Virei chefe do meu amigo: como lidar com isso

É muito importante cultivar amizades sinceras e saber administrar esse tipo de relação, para que não venha a ser influenciada negativamente por outros fatores.…

É muito importante cultivar amizades sinceras e saber administrar esse tipo de relação, para que não venha a ser influenciada negativamente por outros fatores. Receber uma promoção no emprego e acabar se tornando o chefe dos amigos é uma coisa para a qual todo mundo deve estar preparado para lidar, pois a administração incorreta da situação pode resultar em saias justas e até mesmo na perda de amizades. Confira dicas sobre o que fazer quando se vira chefe dos amigos.

Conheça algumas dicas de como lidar com o chefe. 

Saiba o que fazer quando você se torna chefe de seus amigos. (Foto: divulgação)

O dilema em ser o chefe do amigo

Se tornar o chefe do amigo pode ser um problema muito maior do que parece, pois apesar do conforto em poder contar com alguém de confiança, os temores gerados por esse tipo de situação costumam causar muito estresse para ambas as partes.

Sempre existe o medo de o subordinado acabar não aceitando as ordens e orientações, não gostar do esquema de trabalho, confundir a relação de amizade com a profissional, querer ser beneficiado de alguma forma ou exagerar na liberdade. Por outro lado, também é possível que o recém-promovido acabe exagerando nas exigências para com o amigo ou ainda não saiba exercer sua autoridade no trabalho.

Como lidar com a situação

Tentar esconder a amizade dos demais colaboradores não é uma boa opção, pois mais cedo ou mais tarde a relação de proximidade entre os dois pode ser descoberta, despertando sentimentos negativos no restante da equipe, que muitas vezes pode se sentir traída. Confira algumas dicas que devem ser adotadas no ambiente de trabalho e que ajudam a manter a amizade:

  • Comunicação clara e papéis bem definidos

É muito importante manter uma comunicação clara e totalmente transparente, prevenindo situações complicadas entre a equipe e, principalmente, com o amigo. É fundamental fazer todos os colaboradores entenderem que o chefe é a mesma pessoa de antes, mas que agora ocupa uma posição diferente e que, portanto, precisa cobrar resultados, orientar, treinar, avaliar, controlar e resolver uma série de outros problemas.

Manter uma conversa clara e objetiva evita saias justas. (Foto: divulgação)

  • Adote critérios objetivos para avaliação

Uma boa dica para se manter imparcial na avaliação e reconhecimento da equipe é utilizar critérios objetivos. É preciso lembrar da necessidade de deixar claro para todos os colaboradores a metodologia de julgamento e quais os pontos serão observados.

Essa é uma medida muito segura para justificar medidas como a demissão de funcionários, pois caso seja questionado sobre a decisão, o gestor poderá justificá-la baseado em argumentos sólidos e indicadores objetivos.

  • Mudanças de hábitos no ambiente de trabalho

Para evitar mal entendidos de ambos os lados, é necessário mudar alguns hábitos durante o serviço. Por exemplo, se antes os amigos costumavam almoçar juntos todos os dias, com a mudança de cargo essa medida pode ser mal interpretada pelos outros colaboradores e por isso deve ser alterada. É necessário lembrar que, mesmo fora do expediente, não é permitido dar informações privilegiadas ao amigo e nem trocar confidência de trabalho.

Saiba como lidar com os chefes difíceis. 

A promoção do trabalho pode colocar em risco a amizade. (Foto: divulgação)

Se tornar o chefe do amigo pode ser muito mais difícil do que parece. Para não ser prejudicado no emprego e nem estragar a amizade vale a pena seguir algumas dicas de como lidar com o assunto, se mantendo o mais imparcial possível e sempre fazendo uma autocrítica, para ver se é necessário corrigir alguma coisa e melhorar a relação com a equipe de trabalho.


Top