Dicas para lidar com o chefe

A maioria das pessoas passa mais tempo no trabalho do que em sua própria casa, no convívio familiar. Cercar de 8 horas por dia…

A maioria das pessoas passa mais tempo no trabalho do que em sua própria casa, no convívio familiar. Cercar de 8 horas por dia estão empenhadas nos afazeres relacionados ao seu cargo na companhia e ainda precisam lidar com tipos diferentes de pessoas, gerenciando a relação diária.

Leia mais sobre: Confira 5 dicas para lidar com o seu chefe

Não perca a linha com o chefe legal demais (Foto: Divulgação)

Além dos colegas com cargos compatíveis com o seu é necessário ter cuidado com o convívio com a chefia. Nem sempre essa situação é simples, pois os supervisores e gerentes têm posições na empresa de importância, e os riscos de um desgaste do dia a dia pode levar a demissão quando inclui problemas com o chefe. Para evitar que isso aconteça, veja abaixo algumas dicas:

Separe o pessoal do profissional para não ter problemas com o chefe-amigo

Para quem tem um gestor simpático, que valoriza uma boa relação com os seus subordinados, é importante tomar cuidado para não esquecer que apesar de ter um chefe popular e legal, precisa ter cuidado com o que se conversa com ele. Por sentir-se íntimo do gerente ou supervisor algumas pessoas acabam faltando com o respeito necessário sem perceber, ou achando que pode ter vantagens pelo laço que construiu com a chefia. Por isso, separe o profissional do pessoal. Não o quão amigo é do seu chefe fora do ambiente de trabalho ou como ele sempre é legal com todos, sempre tenha noção de que ele é seu supervisor e você deve seguir suas ordens e manter a relação profissional intacta.

Saiba mais sobre: Saiba como lidar com chefe mulher

Cuidado com o chefe rígido demais (Foto: Divulgação)

Como contornar um chefe carrasco

Lidar com um chefe “pulso firme” parece ser mais complicado do que com um gestor simpático, e por muitas vezes realmente é assim. O mesmo cuidado para não passar dos limites com relação a convivência deve ser tomado quando se tem um gerente mais sério e de personalidade forte. Nesse caso, tente não dar motivos para levar broncas. Faça o seu serviço com excelência.

Leia Também:  RH Unimed, Vagas E Cadastro De Currículo

Mas, se a situação passar dos limites, e mesmo sendo um bom funcionário você estiver sentindo-se pressionado ao extremo, procure o setor de Recursos Humanos da sua empresa e exponha o que ocorre. Se a empresa se omitir com relação aos exageros do gestor e não tomar nenhuma atitude para resolver o problema e você for demitido ou constrangido de outra maneira por ter feito a reclamação, acione os seus direitos judicialmente.

Saber lidar com os problemas no ambiente de trabalho é necessário para ter uma carreira de sucesso, mas aceitar humilhações ou ações que vão contra o que está na constituição que defende os direitos dos trabalhadores e do ser humano é caso de medidas judiciais, que resultam em indenizações em muitos casos.

Top