Alimentos que controlam a sonolência

Cerca de 1/3 dos brasileiros apresentam sonolência durante o dia. Segundo especialistas, esse problema traz grandes malefícios a vida do indivíduo, incluindo prejuízo para…

Cerca de 1/3 dos brasileiros apresentam sonolência durante o dia. Segundo especialistas, esse problema traz grandes malefícios a vida do indivíduo, incluindo prejuízo para a execução das atividades diárias. Porém, a sonolência pode ser combatida através da realização de uma alimentação saudável e balanceada. Conheça os alimentos que controlam a sonolência.

Conheça os alimentos que contribuem para o sono.

A sonolência afeta uma grande parte da população. (Foto: divulgação)

Sonolência – um problema manifestado já na adolescência

A sonolência vespertina é um problema enfrentado por grande parte da população. Segundo especialistas, os jovens sofrem muito mais com o problema devido ao seu ciclo do sono. Isso porque, entre 14 e 22 anos, o período de sono tende a ser mais vespertino, assim o corpo do jovem estará mais disposto no período mais tardio, incluindo o período noturno. Além desse efeito fisiológico, o adolescente costuma dormir menos horas por dia, para poder usufruir todos os momentos. Como resultado, ele apresenta mais sono do que o normal e acaba apresentando uma sonolência vespertina importante que, por vezes, pode ser muito prejudicial ao seu organismo.

Aprenda a administrar seu horário

Após estudos, foi demonstrado que uma vida mais regrada, colabora com a diminuição da fadiga durante o dia. Por isso, é muito importante que o indivíduo consiga conciliar suas atividades diárias, incluindo os horários das refeições. Em resumo, tente estabelecer um horário para fazer refeições, atividades físicas, leitura e, principalmente, uma hora ideal para dormir, isso colabora com a regulação do ritmo hormonal, trazendo como resultado um sono equilibrado.

É possível controlar a sonolência através de uma alimentação saudável. (Foto: divulgação)

A alimentação é essencial

Ter uma dieta balanceada e equilibrada é essencial para acabar com a sonolência vespertina. Além disso, é necessário realizar as refeições em horários pré-determinados. Isso resulta em um ritmo de produção de hormônios no organismo regulado, evitando picos que possam prejudicar a sensação de sonolência.

Continuar Lendo  Pia para banheiro: como escolher

Não exagere no consumo de carboidratos

Na hora de se alimentar, evite o abuso no consumo de alimentos ricos em carboidratos, como por exemplo, pães, massas e doces. Isso porque o organismo demora muito mais tempo para digerir esse tipo de alimento, o que significa que o corpo gastará mais energia ao final do processo digestivo. Como resultado, o indivíduo estará mais cansado, colaborando com o aparecimento da sonolência. Assim, opte por alimentos mais leves, como nozes, legumes e frutas ricas em vitamina C, que deixam o corpo com mais energia durante o dia.

Largue os vícios

Hábitos como o tabagismo e o consumo de bebidas alcoólicas são um dos maiores causadores de sonolência vespertina no indivíduo. Isso porque eles alteram o funcionamento do nosso corpo, deixando-o mais ativo quando deveria estar dormindo e sem energia, quando a pessoa deveria estar alerta.

Para evitar a sonolência vespertina, é essencial ter o tempo controlado. (Foto: divulgação)

A sonolência vespertina afeta uma grande parte da população. Porém, através da mudança de alguns hábitos e o consumo dos alimentos ideais, é possível controlar a sonolência. Assim, siga as dicas e tenha um dia mais proveitoso.

Conheça os alimentos que ajudam a ficar acordado.

Top