Tatuagens feitas com cicatrizes: fotos, perigos, cuidados

Confira tatuagens feitas com cicatrizes: fotos, perigos, cuidados. Essa nova tendência de modificação corporal está ganhando adeptos no mundo todo, mas é importante tomar…

Confira tatuagens feitas com cicatrizes: fotos, perigos, cuidados. Essa nova tendência de modificação corporal está ganhando adeptos no mundo todo, mas é importante tomar cuidado para não colocar a saúde da pele em risco.

 

Tatuagens feitas com cicatrizes: fotos, perigos, cuidados. (Foto Ilustrativa)

Tatuagens feitas com cicatrizes: fotos, perigos, cuidados. (Foto Ilustrativa)

As tatuagens feitas com cicatrizes, também conhecidas como scarification, criam desenhos na pele através de queimaduras e cortes. Essa modalidade é considerada bem mais dolorosa do que o tradicional uso de agulhas para aplicar a tinta na pele.

Leia mais: Tatuagem maori: significado, fotos

Tatuagens feitas com cicatrizes: fotos, perigos, cuidados

A tatuagem scarification tem sua origem nas tribos primitivas da África. Ela também costumava ser elaborada pelos aborígenes na Oceania. Naquela época, essa técnica de modificação corporal servia para fazer um ritual de passagem e para pedir proteção espiritual.

A tatuagem é feita com cortes, por isso causa muita dor. (Foto: Reprodução/Rebelcircus)

A tatuagem é feita com cortes, por isso causa muita dor. (Foto: Reprodução/Rebelcircus)

A tendência de tatuar o corpo com cicatrizes está ganhando fãs no mundo todo. Algumas pessoas gostam tanto dessa modificação corporal que chegam a compartilhar as fotos nas redes sociais. E o processo de elaboração dos desenhos não é nada bonito. A pele sobre agressões e fica cheia de sangue.

Confira nos tópicos abaixo mais informações sobre tatuagens feitas com cicatrizes: fotos, perigos, cuidados.

Como é feita?

Scarification, como o próprio nome já diz, é uma arte com cicatrizes. O profissional especializado na técnica normalmente usa bisturis bem afiados para cortar a pele e dar forma ao desenho. Todo o trabalho de escarnificação é realizado sem anestesia.

Saiba mais: Perigos da tatuagem no olho

Perigos e cuidados

A técnica pode causar infecções. (Foto: Reprodução/Dailystar)

A técnica pode causar infecções. (Foto: Reprodução/Dailystar)

O grande risco de fazer uma tatuagem scarification é a infecção. Portanto, antes de optar por essa modificação corporal, é muito importante procurar um body artist especializado e que tenha o seu trabalho reconhecido. Verifique se esse profissional tem um studio higienizado e veja se ele trabalha com material esterilizado.

Continuar Lendo  Esmaltes Chanel: lançamentos 2013

Se os cortes da pele não forem tratados corretamente, a pessoa corre o risco de sofrer com queloides, feridas e até mesmo infeções. O body artist normalmente faz os cortes nas camadas superficiais da pele, mas qualquer deslize com o bisturi pode causar um corte profundo e desencadear uma complicação mais séria.

Fotos de tatuagens feitas com cicatrizes

(Foto: Reprodução/Rebelcircus)

(Foto: Reprodução/Rebelcircus)

(Foto: Reprodução/Rebelcircus)

(Foto: Reprodução/Rebelcircus)

(Foto: Reprodução/Drleasbodymods)

(Foto: Reprodução/Drleasbodymods)

(Foto: Reprodução/Rebelcircus)

(Foto: Reprodução/Rebelcircus)

(Foto: Reprodução/Fuckyeahmaygan)

(Foto: Reprodução/Fuckyeahmaygan)

Veja também: Cuidados com a tatuagem no verão

Agora você já conhece tudo sobre tatuagens feitas com cicatrizes: fotos, perigos, cuidados. Se você quer se tornar um adepto dessa moda, então tome os devidos cuidados para evitar complicações. Também é importante se preparar para sentir muita dor e perder muito sangue. Continue no Mundo das Tribos e veja outras matérias sobre bem-estar.

 

Top