Leite de soja: bom ou ruim para a saúde

O extrato hidrossolúvel, conhecido como leite de soja, é um dos produtos mais populares feitos a partir dos grãos dessa leguminosa. Muito tem se…

O extrato hidrossolúvel, conhecido como leite de soja, é um dos produtos mais populares feitos a partir dos grãos dessa leguminosa. Muito tem se discutido sobre os reais benefícios desse alimento para a saúde, o que acaba gerando dúvidas na hora do consumo. Saiba mais sobre o assunto e veja se o leite de soja é bom ou ruim para a saúde.

O leite de soja é rico em isoflavonas que atuam na prevenção de várias doenças. (Foto: divulgação)

Leite de soja faz bem a saúde

Cultivada a milhões de anos pelos orientais, a soja é conhecida com uma das principais fontes de proteína e óleo vegetal em todo o mundo, sendo o Brasil um dos maiores produtores do grão. Esse alimento faz parte da família das leguminosas, assim como o feijão, a lentilha e a ervilha.

Uma das formas mais consumidas do grão é o leite de soja. Dentre os benefícios oferecidos pelo consumo dessa bebida está a prevenção do câncer, afinal o alimento é rico em isoflavonas. Atua também na redução do risco de doenças do coração, osteoporose e diabetes.

O leite de soja contém grandes quantidades de proteínas, fibras, vitaminas do complexo B e cálcio. Entretanto, ele só deve ser usado na substituição do leite de vaca para crianças sobre orientação médica. O produto ainda é livre de colesterol e contém menor quantidade de gordura que o leite de vaca, proporcionando vários benefícios a saúde.

O leite de soja oferece muitos benefícios para a saúde. (Foto: divulgação)

Veja também diferenças entre o leite de soja e o leite de vaca 

Consumo inadequado do leite de soja pode ser ruim para a saúde

Pesquisas sugerem que o consumo excessivo da soja e seus derivados apresentam efeitos indesejáveis na tireoide. Sendo assim, o recomendado é que as pessoas portadoras de hipotireoidismo consumam de forma moderada esse alimento. Não existe uma quantidade considerada segura para o consumo, alguns pesquisadores recomendam 50 mg de isoflavona por dia, o que equivale a 500 ml de leite de soja.

Continuar Lendo  Pesquisa relaciona criatividade à bebida e insônia

Outro fator a ser considerado são antinutricionais presentes na soja, que dificultam a absorção de minerais como ferro, zinco e cálcio. Parte desses fatores é inativado quando a soja passa pelo processo de industrialização ou quando é cozida. Entretanto, as sobras podem comprometer a absorção de nutrientes em pessoas vulneráveis como crianças, gestantes e idosos.

O consumo excessivo do leite de soja pode interferir no bom funcionamento da tireoide. (Foto: divulgação)

Veja também como incluir o leite de soja na dieta 

O leite de soja é um alimento rico em nutrientes que atuam no bom funcionamento do nosso organismo. Além disso é muito eficaz na prevenção de várias doenças. Porém, ele deve ser consumido corretamente para que não se torne prejudicial à saúde. O mais indicado é procurar um nutricionista para orientar sobre o consumo do alimento na dieta.

Top