Depilação em casa: cuidados, dicas

A depilação é um incômodo necessário e frequente, principalmente para as mulheres. Seja no rosto, nas axilas, pernas ou virilha, em nenhuma parte do…

A depilação é um incômodo necessário e frequente, principalmente para as mulheres. Seja no rosto, nas axilas, pernas ou virilha, em nenhuma parte do corpo feminino deve haver pelos. Por isso, o trabalho das mulheres para eliminação dos indesejáveis cabelinhos requer dinheiro, tempo e paciência; sem contar a dor a ser suportada – o que é inevitável.

O tempo de duração da depilação varia, conforme a área onde ela é feita. Em algumas partes, a pele fica lisinha por pouquíssimo tempo. Sendo assim, para muitas mulheres, a procura por profissionais torna-se inviável. Muitas delas acabam optando pela depilação caseira.

Se você prefere utilizar os métodos disponíveis e se depilar em casa, veja alguns cuidados a serem tomados.

Dicas para a depilação caseira

Os métodos de depilação caseira mais utilizados são os que seguem, abaixo. Embora sejam simples e aparentemente inofensivos, é importante ter atenção com alguns detalhes, que podem fazer muita diferença, dependendo do tipo de pele de cada pessoa.

Pinça - um dos métodos mais simples (Foto: Divulgação)

Muitas mulheres preferem retirar seus pelos, usando a pinça. É um método bastante simples e relativamente indolor. Na realidade, a dor é menor, em comparação a outros métodos, pois a pinça não agride a pele. Como ela puxa o pelo, pela raiz, o cuidado que você deve ter com esse tipo de depilação é simples: use um esfoliante no local depilado, ao menos duas vezes, por semana. Isso facilitará a saída dos novos pelos, evitando que se encravem.

Lâmina (ou Gilete) - ausência de dor (Foto: Divulgação)

As lâminas são ótimas, pois não causam dor alguma. A única desvantagem é que seus pelos não serão retirados, pela raiz; portanto, continuarão grossos.

Leia Também:  Aprenda a fazer conservas caseiras

Dica: após de depilação, aplique um bom hidratante na região depilada, pois a lâmina acaba agredindo microscopicamente a pele.

Você também deve ter cuidado com a lâmina, após a depilação. Se deseja reutilizá-la, tenha em mãos um antisséptico. Lave, seque a higienize a gilete, pois se você guardá-la ainda molhada, bactérias se acumularão nas lâminas, penetrando na sua pele, na próxima depilação. Isso favorece o surgimento de bolinhas infeccionadas, onde saem os pelos.

Depiladores elétricos (Foto: Divulgação)

Muito utilizados pelas mulheres, os depiladores elétricos têm um único inconveniente: são dolorosos. Exceto isso, a depilação caseira se torna muito simples, com esse método.

Cuidados: o aparelho elétrico de depilação deve ser muito bem higienizado. Por isso, use sempre a escovinha (que vem junto com o produto) para limpá-lo, ao final do processo. Além disso, evite dividir o seu depilador com outras pessoas. Isso favorece a contaminação do aparelho, até mesmo por doenças.

Dica: após a depilação, lave delicadamente a área e aplique uma loção pós-depilatória, para acalmar a pele agredida.

Cremes depilatórios (Foto: Divulgação)

Os cremes depilatórios são muito práticos e indolores. Funcionam de forma semelhante à lâmina. Eles derretem os pelos, mas não os retiram, pela raiz.

Cuidados e dicas: o cheiro destes cremes é ruim e pode ser um grande incômodo. Se você tem o olfato muito sensível, não custa nada usar uma máscara, ao aplicar o creme. Além disso, devido à sua composição, é imprescindível que você faça um teste na pele, antes de usá-lo, a fim de evitar alergias.

Veja mais cuidados em: Cremes depilatórios: cuidados, como escolher

Cera quente ou fria (Foto: Divulgação)

Finalmente, um dos métodos mais utilizados pelas mulheres que fazem a depilação em casa – a cera quente.

Leia Também:  Depilação Íntima Feminina - Como Fazer

Deve-se ter uma certa habilidade, ao retirar os pelos com a cera; do contrário, você fará muita sujeira e terá dificuldade para retirar os restos dela, de sua pele.

Cuidados: limpe bem a área, antes de depilá-la, pois qualquer resíduo pode dificultar a aderência da cera. Ao puxar a folha, siga a direção contrária ao nascimento dos pelos.

Após a depilação, é importante que você aplique a loção pós-depilatória, pois sua pele irá ficar extremamente sensível com esse método.

Dica: prefira as ceras quentes, pois elas abrem os poros da pele, facilitando a saída dos pelos.

Agora que você já sabe quais os principais métodos de depilação caseira e seus cuidados, basta testar e escolher o que melhor se encaixa com você.

Veja mais detalhes em: Depilação com cera quente ou fria: qual escolher

Top