Benefícios do chocolate amargo: quais são

Você sabia que o chocolate amargo pode contribuir com a sua saúde? O consumo desse alimento pode ajudar a reduzir os níveis de açúcar…

Você sabia que o chocolate amargo pode contribuir com a sua saúde? O consumo desse alimento pode ajudar a reduzir os níveis de açúcar na corrente sanguínea, além de auxiliar a saúde do coração, combatendo o mau colesterol e ampliando os níveis de bom colesterol.

Alimento contém nutrientes que auxiliam o funcionamento do organismo (Foto: divulgação)

Quais são os benefícios do chocolate amargo

Os benefícios do chocolate amargo são diversos e se estendem também para a área cerebral. Estudos desenvolvidos por pesquisadores mostraram que substâncias presentes no cacau podem ser estimulantes para a memória, quando aliadas com atividades físicas. Além disso, os flavonoides do chocolate podem ajudar a ampliar o fluxo de sangue no cérebro, o que faz com que as pessoas tenham mais ânimo para realizar seu trabalho e fiquem mais atentas. Os flavonoides podem atuar nas funções cognitivas, de acordo com uma pesquisa feita com 1640 pessoas acima dos 60 anos, durante dez anos.

Apesar dos benefícios, o chocolate deve ser comido com moderação (Foto: divulgação)

Chocolate amargo: contribuições para a saúde

As contribuições do chocolate amargo para a saúde também podem ser verificadas com relação ao apetite. As fibras desse ingrediente podem ampliar a sensação de saciedade e até fazer com que você tenha menos vontade de consumir alguns alimentos com sabor acentuado que tenham muita gordura, doce ou muito sal. É preciso, porém, lembrar que esse alimento é calórico e possui gorduras saturadas e não deve ser consumido em excesso, mas em quantidades adequadas e dentro de uma dieta balanceada.

Alimento ajuda a combater problemas cardíacos e pode até controlar a compulsão por doces (Foto: divulgação)

O consumo de chocolate amargo também pode contribuir com a pele, por possuir substâncias antioxidantes que além de prever o envelhecimento precoce, podem proteger a pele da ação dos raios ultravioleta. Uma substância de nome teobramina, também do chocolate, ajuda a diminuir a tosse, por agir em uma área do cérebro que controla esse sintoma. Outras pesquisas já mostraram também que pessoas que sofrem de fadiga crônica podem ter os sintomas diminuídos se comerem pelo menos 45 gramas de chocolate por dia.

Veja mais: Conheça os Benefícios dos 9 Tipos de Chocolate

Coração: Chocolate Reduz doenças cardíacas


Top