Menu

Saúde

Atualizado em 12 de fevereiro de 2013, às 9:21
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Mitos e verdades sobre ressonância

A ressonância magnética é um exame de imagem muito detalhado. Conheça alguns mitos e verdade sobre esse método diagnóstico tão eficaz.

A ressonância magnética é um dos métodos muito significativos no que diz respeito aos avanços diagnósticos feitos por imagem.  Esse método permite imagens de duas ou três dimensões, em qualquer região do corpo. Porém, muitos mitos tem sido criados em relação a ressonância. Pensando nisso, selecionamos mitos e verdades sobre a ressonância magnética. Confira:

578057 A ressonância é um exame diagnóstico de imagem muito detalhado. Foto divulgação Mitos e verdades sobre ressonância A ressonância é um exame diagnóstico de imagem muito detalhado. (Foto: divulgação)

Ressonância Magnética

A ressonância magnética trata-se de um exame diagnóstico feito por imagens de alta definição dos órgãos por um campo magnético. Esse exame não utiliza componentes radioativos, porém devido ao seu potente campo magnético é necessário tomar alguns cuidados na hora de realizá-lo, como retirar joias, objetos metálicos e outros.

Veja também ressonância magnética, como funciona 

Mitos e verdades sobre a ressonância magnética

1. Exames de ressonância são mais caros.

Verdade. São mais caros, pois o custo do equipamento e a manutenção, pelo médico especialista e interpretação dos exames. Porém, grande parte dos planos de saúde cobre esses exames, sem custos maiores para os pacientes.

2. Ressonância utiliza radiação

Mito. A ressonância magnética não utiliza radiação ionizante. Trata-se de um exame baseado em campo eletromagnético e ondas de rádio. Mulheres grávidas acima de 12 semanas de gestação podem fazer a ressonância.

 Mitos e verdades sobre ressonância A ressonância possibilita o diagnóstico de várias doenças. (Foto: divulgação)

3. Trata-se um excelente método para diagnosticar lesões esportivas.

Verdade. A ressonância possui alta definição das partes anatômicas do sistema músculo-esquelético. Porém não é o único. As ultra-sonografias, radiografias e tomografias também são excelentes métodos.

4. Os exames de ressonância magnética são muito demorados.

Mito. O tempo de duração do exame depende do equipamento e do número de séries para o exame. Os exames feitos do joelho, por exemplo, podem durar menos de 20 minutos.

5. Pessoas com claustrofobia podem fazer o exame.

Verdade. Atualmente existem clínicas que possuem equipamentos com alto campo magnético, onde o túnel é mais curto e mais largo não deixando o paciente com a sensação de que está preso. Se isso não for suficiente, o indivíduo pode realizar o exame sob sedação.

578057 É preciso ter alguns cuidados ao fazer ressonância magnética. Foto divulgação. Mitos e verdades sobre ressonância É preciso ter alguns cuidados ao fazer ressonância magnética. (Foto: divulgação).

Veja também ressonância magnética, saiba mais cuidados 

A ressonância magnética é um exame feito por imagem detalhada, muito eficaz no diagnóstico de doenças e lesões. O método não utiliza radiação e pode ser facilmente feito. O custo do exame é um pouco alto, porém os resultados são de excelente qualidade, valendo a pena ser feito.

A categoria Saúde do portal Mundodastribos.com é um espaço informativo de divulgação e educação sobre os temas relacionados à saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento, sem antes consultar um profissional de saúde.