TPM pode ser mito, diz pesquisa

A TPM (Tensão Pré-Menstrual) mexe com a cabeça das mulheres e pode se manifestar de diferentes formas. A condição, que está relacionada à variação…

A TPM (Tensão Pré-Menstrual) mexe com a cabeça das mulheres e pode se manifestar de diferentes formas. A condição, que está relacionada à variação hormonal, pode causar crises de ansiedade, vontade de comer doce, nervosismo, choro, dificuldades de concentração, baixa autoestima, tristeza, acessos de raiva, angústias e mal humor. Enfim, as mulheres ficam difíceis de lidar quando entram a TPM.

Saiba mais: Alimentos que Ajudam a Prevenir TPM

Cientistas afirmam que TPM é mito. (Foto:Divulgação)

Embora o Ministério de Saúde tenha relatado que 70% das mulheres brasileiras sofrem de tensão pré-menstrual, um estudo recente afirma que a TPM e todos os sintomas emocionais relacionados a ela não passam de um grande mito.

Pesquisa considera a TPM um mito

Um estudo realizado pela Universidade de Otago, na Nova Zelândia, garantiu que a TPM não é legítima. Os pesquisadores garantem que o problema é uma lenda, que costuma rotular o comportamento feminino. Os resultados completos deste estudo foram publicados na revista americana Cosmopolitan.

Para chegar à conclusão de que a TPM é um mito, os autores do trabalho analisaram cerca de 50 estudos sobre humor no decorrer do ciclo menstrual. Depois de comparar as análises, constatou-se que mais de 50% destas pesquisas não encontraram uma ligação exata entre as mudanças de humor e alterações hormonais. Já em 85% dos casos estudados, não foi identificado qualquer sintoma da TPM.

Oscilação emocional não tem estreita ligação com as mudanças hormonais. (Foto:Divulgação)

Segundo os cientistas responsáveis pela pesquisa, existe uma forte tendência de rotular o comportamento feminino, principalmente por causa do excesso de emoção. No período da TPM, que dura entre 5 e 10 dias antes da menstruação, as mudanças de humor são incorretamente associadas as funções reprodutoras femininas.

Continuar Lendo  Quando fazer dieta liquida e ter bons resultados

Outra pesquisa questiona a TPM

A pesquisa desenvolvida na Nova Zelândia não foi a primeira a afirmar que a TPM é uma farsa. Pesquisadores da Universidade de Toronto, no Canadá acreditam que o conceito está enraizado na cultura, mas não possui fundamentos claros.

Depois de avaliar 41 estudos sobre tensão pré-menstrual e outros artigos a respeito deste assunto, os psicólogos e psiquiatras canadenses descobriram que não há nenhuma prova concreta sobre a existência da TPM.

As pesquisas revisadas, que acompanharam os ciclos menstruais das mulheres, não foram capazes de relacionar com clareza o humor feminino às mudanças hormonais que se sucedem dias antes da menstruação. Em suma, apenas 13,5% dos estudos confirmaram a existência da TPM.

A TPM está enraizada na cultura. (Foto:Divulgação)

Como a TPM afeta o corpo da mulher?

Os dias que antecedem a menstruação costumam ser difíceis para algumas mulheres. Sejam sintomas da TPM ou não, as reações físicas neste período interferem no bem-estar feminino. Veja como o corpo sente as alterações hormonais:

– Alterações nos níveis de serotonina;

– Retenção de líquido, que causa inchaço e ganho de peso;

– Excesso de prostaglandinas, que resulta em dores de cabeça e cólicas;

– Problemas de pele;

– Baixa resistência.

Veja também: Dicas para acabar com a TPM – Como diminuir os sintomas da TPM

Top