Saiba o que fazer em casos de queimaduras do sol

É verão e nessa época do ano o que muita gente quer é aproveitar as férias ao máximo e divertir-se muito. O problema é…

Nesse verão, cuidado com as queimaduras solares!

É verão e nessa época do ano o que muita gente quer é aproveitar as férias ao máximo e divertir-se muito. O problema é que algumas vezes as pessoas acabam se descuidando e ficando ao sol mais tempo do que deveriam, o que pode trazer muita dor de cabeça devido às queimaduras por exposição solar.

Aqui vão algumas dicas do que fazer para amenizar a dor nessas situações.

Compressas e banhos de água gelada

Aplicar um pano umedecido em água gelada diretamente sobre a área queimada, por vários minutos e sempre se lembrando de molhar o pano repetidamente (para mantê-lo sempre gelado), vai ajudar a melhorar muito a dor e o incômodo. É importante não aplicar gelo diretamente sobre a pele, porque o frio também provoca outro tipo de queimadura.

Para dar uma sensação de ainda mais refrescância, outra dica é adicionar bicarbonato de sódio na água gelada, em que se molhará o pano. O bicarbonato pode ser substituído por aveia seca embrulhada numa gaze (formando um pacotinho), que é deixada de molho por alguns minutos na água que será usada para as compressas.

Se a queimadura é extensa ou em uma região difícil de alcançar, a opção pode ser entrar em uma banheira com água fria. Os sabonetes podem irritar ainda mais a pele e deixá-la ressecada, por isso devem ser evitados. Nem pense em usar buchas, esponjas ou esfregar a toalha no corpo, para se secar.

As mesmas dicas da aveia e bicarbonato podem ser seguidas no banho de banheira e é fundamental não cair na tentação de ficar horas dentro da banheira, porque resseca ainda mais a pele, aumentando a coceira e fazendo-a descascar.

Evite o sol

É essencial fugir do sol por alguns dias após ter a pele queimada, porque a região afetada fica muito mais susceptível a outras queimaduras. Deve-se usar filtro solar todos os dias, mesmo quando estiver na sombra, porque ainda assim os raios ultravioletas podem nos atingir.

As roupas são capazes de filtrar apenas 50% dos raios ultravioletas, por isso, para quem sofreu queimadura solar, o melhor mesmo pode ser ficar em casa até se recuperar.

Hidratação

O melhor momento para hidratar a pele é imediatamente após o banho e, para dar uma sensação ainda maior de refrescância, a dica é deixar o hidratante dentro da geladeira antes de usar.

A pele não é a única que precisa de hidratação e uma queimadura mais complicada pode desidratar todo o organismo. Beber muita água é a solução. A dica é ficar de olho na urina, se ela estiver muito escura, pode ser sinal de que é preciso ingerir mais água.

Quando se deve ir ao médico

Normalmente o inconveniente de uma queimadura solar pode ser tratado em casa, mas devemos ficar atentos para alguns sinais que significam a necessidade de auxílio médico:

  • Queimadura muito extensa, atingindo todo o corpo;
  • Muitas bolhas pelo corpo;
  • As bolhas estouram e inflamam;
  • A dor e a coceira pioraram após 24 horas;
  • Mal estar generalizado, semelhante ao estado gripal;
  • Presença de febre e calafrios (arrepios que sobem pelas costas).

É importante lembrar que ainda a melhor opção para aproveitar bem o verão é se prevenir das queimaduras e não deixar de usar protetor solar, chapéu ou boné e óculos de sol, se expondo ao sol de forma moderada.

As queimaduras solares causam muito desconforto. Cuide-se.

Top