Reboco da parede: passo a passo Reboco da parede: passo a passo

Reboco da parede: passo a passo

O reboco é preparado à base de argamassa de cimento e areia para construir as paredes. O material garante uma boa fixação de tijolos…

Por Isabella Moretti em 16/09/2013

O reboco é preparado à base de argamassa de cimento e areia para construir as paredes. O material garante uma boa fixação de tijolos cerâmicos ou blocos de concreto, além do que também ajudam a formar uma superfície impermeabilizante.

O reboco deixa a superfície pronta para receber o acabamento. (Foto:Divulgação)

Depois de receber o reboco, a estrutura tem condições de ser decorada com os materiais de acabamento, como as tintas, os azulejos, o papel de parede e as pastilhas de vidro. A escolha do revestimento é muito importante, afinal, ela influencia no conforto térmico e acústico de cada ambiente.

Passo a passo para o reboco da parede

Veja a seguir o passo a passo para o reboco da parede:

1. Defina a espessura do reboco com as mestras.

2. Prepare o reboco na betoneira, com 1 parte de cimento e 6 partes de areia. A padiola pode ser de grande ajuda nesta etapa.

3. Acrescente algum aditivo plastificante no reboco para substituir o cal.

4. Com uma colher e uma desempenadeira, aplique a argamassa na parede, respeitando a espessura.

Utilize uma régua de alumínio. (Foto:Divulgação)

5. Depois da aplicação, deixe a massa descansar para que ela perca um pouco da sua água (o processo se chama “puxar”). O período para a etapa ser completada varia de acordo com o clima, mas leva de45min a 60min.

6. Usando uma régua de alumínio, inicie o sarrafeamento, de cima para baixo.

7. Passe a desempenadeira de pedreiro, removendo os excessos de que a régua não conseguiu retirar. Para obter o melhor resultado, faça movimentos circulares.

8. Se a massa do reboco já estiver dura em alguns pontos, jogue água com a trincha. Use a desempenadeira para obter o acabamento perfeito.

Dicas para acertar no reboco

Todo cuidado é pouco para o reboco não sofrer rachaduras. (Foto:Divulgação)

Confira a seguir dicas para acertar na hora de rebocar as paredes:

• Se o acabamento for feito sobre uma superfície que ainda não está pronta, o reboco vai trincar.

• Antes de aplicar o reboco, as paredes já devem ter sido chapiscadas. O chapisco é uma camada que faz a ancoragem dos revestimentos na parede.

• O reboco externo deve ter uma espessura de 20mm ou 2cm.

•No caso do reboco interno, a espessura apropriada é de 15mm ou 1,5cm.

• O reboco é favorecido se a alvenaria for de qualidade, ou seja, se ela tiver bom prumo, alinhamento, esquadro e tijolos de primeira.

• Se a parede apresentar algum problema estrutural, ela pode demandar um consumo maior de argamassa, encarecendo a obra.

• A aplicação do reboco requer atenção, principalmente nas quinas, cantos e vigas. Se houver algum erro, será necessário conviver com um acabamento mal feito.

Top