Pegar empréstimos: cuidados básicos

O empréstimo é uma linha de crédito no qual o indivíduo solicita uma determinada quantidade de dinheiro emprestada e depois faz o pagamento, normalmente…

O empréstimo é uma linha de crédito no qual o indivíduo solicita uma determinada quantidade de dinheiro emprestada e depois faz o pagamento, normalmente com taxas de juros. Praticamente todos os bancos trabalham com o empréstimo para prestar assistência financeira aos seus clientes.

Recorrer ao empréstimo nem sempre é a melhor opção. (Foto:Divulgação)

Empréstimo: bom ou ruim?

Diferentes motivos levam uma pessoa a pegar um empréstimo. Ela pode estar precisando do dinheiro para quitar as dívidas ou também necessita de capital para fazer um determinado investimento, como a abertura de uma empresa, a compra de uma casa ou de um carro.

A princípio, o empréstimo se mostra uma solução vantajosa, pois credita o valor necessário na conta corrente sem burocracia. No entanto, as altas taxas de juros cobradas juntamente com as parcelas podem transformar a dívida em uma verdadeira bola de neve.

Existem várias formas de emprestar dinheiro: pedir a um parente ou amigo, fazer o penhor de bens, entrar no cheque especial, ir até o banco, usar o crédito rotativo do cartão, recorrer aos empréstimos específicos e até mesmo a substituição de dívidas. Em todas as situações, uma coisa é certa: o pagamento deve ser feito.

Saiba mais: Empréstimos com juros baixos, dicas

Cuidados básicos com o empréstimo

É importante comparar as taxas de juros das instituições financeiras. (Foto:Divulgação)

Veja a seguir uma seleção de cuidados básicos para fazer um empréstimo sem comprometer as finanças pessoais.

1. Antes de contratar um empréstimo, é muito importante avaliar se os valores das parcelas são compatíveis com o orçamento doméstico;

2. Faça uma pesquisa nos bancos e financeiras para conhecer as vantagens de cada linha de crédito. Desta forma, fica mais fácil encontrar um empréstimo com taxas mais acessíveis de juro;

Leia Também:  Leilões Judiciais de Imóveis SP,RJ, RS

3. Para verificar se o empréstimo vale a pena, faça a soma total das parcelas cobradas com juros. Algumas dívidas longas podem pesar no orçamento e deixam o consumidor em desvantagem;

4. Depois de pesquisar valores, busque informações das financeiras e dos bancos com outros clientes que adotaram a linha de crédito. Caso haja muitas reclamações registradas, o empréstimo pode não ser um bom negócio;

Faça uma pesquisa de valores e não assine o contrato antes de estar ciente de todos os encargos. (Foto:Divulgação)

5. Compare as condições dos diferentes prazos possíveis, afinal, a grande quantidade de parcelas compradas pode ser perigosa;

6. Leia o contrato do empréstimo com atenção antes de assinar;

7. O consumidor deve ainda exigir cópia do contrato antes de fechar negócio;

8. Para evitar imprevistos, é importante conhecer o valor da multa do empréstimo em caso de atrasos;

9. O consumidor deve buscar informações sobre todos os encargos previstos no contato;

10. Depois de solicitar o empréstimo, é importante ter cuidado para não atrasar o pagamento das parcelas, caso contrário o valor da dívida cresce com a multa e o consumidor corre o risco de ter o seu nome incluso na lista de inadimplentes.

Veja também: Como solicitar empréstimo pessoal

Top