O que é FIES e como funciona o financiamento estudantil

O Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) é um programa do Ministério da Educação que subsidia mensalidades de cursos de graduação em universidade particulares para estudantes que já estão devidamente matriculados, mas que não tem condições financeiras de pagar integralmente pelo curso, priorizando os participantes que possuem baixa renda.

Um dos diferenciais do Fies está na sua taxa de juros, atualmente de 3,4% ao ano, bem mais baixa do que a cobrada por outros tipos de programas semelhantes. Além disso, o estudante só começa a quitar a sua dívida algum tempo depois de formado.

 

 

O que é e como funciona o Fies (Foto Ilustrativa)

Sisu, ProUni e Fies: entenda as diferenças

Fies: como cancelar o financiamento

Como funciona o Fies – Guia completo

O funcionamento do Fundo de Financiamento Estudantil é bastante simples. Depois de solicitar e ter aprovada a sua inclusão no programa de financiamento, você não precisa mais pagar as mensalidades da faculdade, enquanto estiver estudando. Quem quiser participar já precisa ter devidamente sido aprovado no vestibular do curso de graduação e preenchido a pré-matricula na universidade.

Durante o curso, o aluno beneficiado com o Fies paga apenas uma taxa de, no máximo, R$ 50,00, a cada três meses, referente ao pagamento dos juros incidentes sobre o financiamento.

Ao concluir a graduação, o ex-estudante terá 18 meses de carência, durante os quais continuará a pagar a mesma taxa citada e pela mesma periodicidade.

Assim que terminar a carência, o saldo devedor do beneficiado pode ser parcelado em até três vezes o período financiado da graduação, acrescido de 12 meses. Ou seja, se você financiou um curso de quatro anos de duração, começará a quitar o financiamento um ano e meio depois de se formar e poderá parcelar a dívida em até 13 anos.

O pagamento do financiamento não pode ultrapassar o limite de 20% da renda do graduado. O tempo máximo para a quitação da dívida é de 14 anos após a finalização do ensino superior.

Existem vários tipos de financiamento disponíveis nas instituições de ensino:

  • Juros zero com correção da inflação;
  • Fonte de recurso a partir do Tesouro Nacional;
  • Prestações que vão até 10% da renda familiar;
  • Prestações que se adequam a renda familiar de até três salário mínimo por pessoa;
  • Juros de acordo co  banco (Caixa ou Banco do Brasil);
  • Financiamentos para pessoas com renda familiar de até cinco salários mínimos per capita.

Como se inscrever no Fies – Passo a Passo

As inscrições para o Fies podem ser feitas a qualquer momento do ano por meio do site http://sisfiesportal.mec.gov.br. Será preciso acessar com a sua senha do ENEM e ter em mãos documentos necessários de identificação e matrícula na instituição de ensino para completar informações.

Terminado o cadastro na página, você deverá validar as informações junto à Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento, na instituição em que estuda, em até 10 dias.

Na sequência, o estudante deve comparecer a uma agência da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil, conforme sua escolha, para finalizar o processo e contratar o financiamento estudantil. Caso dê errado alguma etapa tente de novo.

Simulação de financiamento estudantil

O portal do MEC disponibiliza uma plataforma de simulação de financiamento para aqueles que desejam conferir como ficaria as prestações e condições para o seu caso. Basta acessar o seguinte site: http://sisfiesportal.mec.gov.br/?pagina=simulacao e completar os seus dados.

Quem pode participar?

Para se inscrever no FIES é preciso estar dentro de alguns pré-requisitos. São eles:

  • Ter realizado a prova do Exame Nacional do Ensino Médio em edições a partir de 2010;
  • Ter obtido ao menos 450 pontos e não ter zerado a redação no ENEM;
  • Comprovar renda familiar de até 3 a 5 salários mínimos per capita de acordo com os valores vigentes no ano de inscrição;
  • Ter concluído o ensino médio;
  • Ser não graduado, ou seja, não ter finalizado o ensino superior em qualquer outra universidade federal ou privada;

Para conseguir participar do programa a universidade cujo aluno quer pleitar o financiamento precisa estar devidamente cadastrada no Ministério da Educação.

Para saber maiores informações a respeito do Fies, como pré-requisitos, documentação necessária para se inscrever, exigência de fiador e outros detalhes, acesse a página oficial do Fies.

Essas e outras informações também podem ser obtidas junto à instituição em que você estuda ou por meio do telefone 0800-616161.

No Responses - Add Comment

Reply