Mitos e verdades sobre hormônios

Os hormônios são substâncias produzidas pelas glândulas que compõem o sistema endócrino. Cada hormônio possui uma função diferente, porém alguns trabalham em conjunto. As…

Por Editorial MDT em 03/04/2013

Os hormônios são substâncias produzidas pelas glândulas que compõem o sistema endócrino. Cada hormônio possui uma função diferente, porém alguns trabalham em conjunto. As funções e alterações causadas por essas substâncias no corpo geram muitos mitos. Pensando nisso, selecionamos os mitos e verdades sobre os hormônios.

A reposição hormonal na menopausa deve ser feita somente sob orientação médica. (Foto: divulgação)

Hormônios e suas funções

Os hormônios são responsáveis pelo funcionamento de muitos órgãos do nosso corpo. Eles atuam como reguladores, integrando vários sistemas. O corpo humano secreta essas substâncias com várias finalidades, como conter o volume dos líquidos e as concentrações de sal, fazer o controle da glicose, acumular gordura e reter líquidos, dentre outros. Mesmo em pequenas quantidades, os hormônios podem provocar grandes respostas no organismo.

Veja também tratamento para disfunções hormonais 

Mitos e verdades sobre os hormônios

1. Os hormônios influenciam diretamente nas características sexuais das pessoas.

Verdade. A definição do sexo acontece por imposição genética, entretanto todas as demais características sexuais provêm da ação dos hormônios. Nos meninos, a testosterona faz com que cresçam pelos na face, axilas e órgãos genitais. Além do engrossamento da voz e formação da massa muscular. Já as meninas, a progesterona e o estrógeno são responsáveis por pelos em pequenas quantidades, desenvolvimento dos seios, da cintura, dos quadris e o início do ciclo menstrual.

2. O hormônio do crescimento, também chamado de GH, só possui essa função no organismo.

Mito. Como o próprio nome diz, ele possui essa função na fase de crescimento. Porém, exerce outras funções importantes na vida adulta. Ao contrário de muitos hormônios, o GH age no organismo como um todo, desencadeando o crescimento das células em geral.

O hormônio testosterona é responsável pelas características sexuais masculinas. (Foto: divulgação)

3. Uma criança com deficiência na produção do GH irá sofrer nanismo.

Mito. Depois que o problema for identificado, é possível fazer o tratamento com administração do hormônio do crescimento para reverter o quadro. Os meninos podem tomar medicamentos até os 16 anos e as meninas 14 ou 15 anos.

4. A falta de GH no organismo pode afetar o bem-estar psicológico e causar depressão.

Verdade. A falta de GH provoca diminuição da energia e tendência para a depressão. Porém, para entender melhor os motivos da falta de bem-estar físico e psicológico o mais indicado é procurar o medico especialista.

5. O hormônio tireoidiano pode ser usado, sem risco, em produtos para emagrecer.

Mito. Esse hormônio não deve ser usado como forma de emagrecer. Segundo especialistas, seriam necessárias doses exageradas e superiores as necessidades do organismo para obter bons resultados. Isso poderia provocar riscos de arritmias graves e sobrecarga ao coração.

6. Todas as mulheres podem fazer terapia hormonal quando entram na menopausa.

Mito. A reposição do estrógeno e da progesterona alivia os sintomas da menopausa, como calor, diminuição da libido, inconstância emocional e outros. Entretanto, a indicação deve avaliada pelo médico, afinal, mulheres com risco de câncer de mama e de colo de útero não devem aderir ao tratamento.

Mitos e verdades sobre hormônios 3

Consultar um médico ginecologista é essencial para saber mais sobre os hormônios. (Foto: divulgação)

Veja também os alimentos que equilibram os hormônios

Os hormônios são substâncias essenciais para o bom funcionamento do nosso organismo. Quando secretados na medida certa, desempenham várias funções em diversos órgãos do corpo. Para esclarecer melhor os mitos e verdades sobre os hormônios, o mais indicado é procurar um médico especialista. 

Top