Mitos e verdades sobre gagueira

Mitos e verdades sobre gagueira

Editorial MDT 10/09/2013 Bem Estar

Apesar de ser aparentemente divertida para algumas pessoas, a gagueira não é nenhum pouco engraçada para quem sofre com o problema e acaba sendo vítima de gozações frequentes e muito constrangimento. O assunto já virou tema de filmes, como “O discurso do rei”, que conta a história real do rei George VI, que é considerado incapaz de governar por conta de uma gagueira nervosa.

A gagueira é um problema que causa muito constrangimento. (Foto: divulgação)

O estigma e a vontade de mudar é tão grande que os gagos acabam topando de tudo para acabar com o problema de uma vez por todas, o quem, em algumas situações, pode ser bastante perigoso. Esclareça as principais dúvidas e confira alguns mitos e verdades sobre a gagueira.

Por que ocorre a gagueira

Também conhecida como disfluência, a gagueira é o resultado por uma dificuldade do cérebro em sinalizar o término de um som ou sílaba. O resultado é que a pessoa acaba ficando presa em uma parte da palavra, até que finalmente o cérebro consiga gerar o comando necessário para prosseguir com a palavra.

Mitos e verdades sobre a gagueira

  • Existem várias formas de tratar a gagueira

Verdade. É possível encontrar profissionais que seguem diferentes linhas de tratamento para a gagueira. Por ser um distúrbio da fala, o profissional mais indicado para cuidar do problema é o fonoaudiólogo, que pode utilizar exercícios variados como repetições, prolongamento, pausas, bloqueios e vários outros;

  • A gagueira é contagiosa

Mito. A gagueira não é contagiosa e ninguém fica gago se passar a conviver com algum portador desse distúrbio da fala. Por isso ninguém deve ter medo de conversar ou interagir com pessoas que gaguejam;

O Discurso do Rei foi baseado na história real de George VI. (Foto: divulgação)

  • A gagueira não tem cura mas tem tratamento

Verdade. Não existe nenhum tipo de tratamento capaz de eliminar o caráter genético ou orgânico desse problema, mas de maneira geral os tratamentos contam com excelentes resultados, diminuindo significativamente as rupturas da fala. Através dos exercícios fonoaudiológicos a pessoa passa a utilizar estratégicas capazes de facilitar a fluência.

  • A garganta e a língua então envolvidas no problema

Mito. A gagueira é uma dificuldade do cérebro em processar a temporalização e automatização dos movimentos da fala, mas nada tem a ver com problemas relacionados à língua ou garganta. Essa característica cerebral pode ser secundária a vários fatores, como histórico familiar, relações sociais, fatores psicológicos e até mesmo orgânicos, em caso de lesões cerebrais;

  • O gago não gagueja enquanto canta

Verdade. Isso acontece porque a região cerebral responsável pela fala é diferente da área dedicada ao canto.

A gagueira não é contagiosa. (Foto: divulgação)

A gagueira é um problema nenhum pouco engraçado, que pode trazer muita dor e constrangimento para quem sofre com esse tipo de distúrbio. Vale a pena conhecer os mitos e verdades em torno da gagueira e procurar auxílio profissional para vencer o problema.

Outros artigos

Bubble Shooter – Jogo online

23/09/2011

Bubble Shooter – Jogo online

Simples e viciante, assim podemos definir Bubble Shooter, um verdadeiro clássico dos jogos casuais. Com o objetivo de eliminar todas as bolinhas da tela, basta utili...

www.zipme.com.br Compra Coletiva

12/02/2015

www.zipme.com.br Compra Coletiva

Saiba tudo sobre o www.zipme.com.br Compra Coletiva, um site que reúne as melhores ofertas para quem deseja pagar mais barato por produtos e serviços de diversos seg...