Melhores destinos para intercâmbio estudantil: dicas

Melhores destinos para intercâmbio estudantil: dicas

Geralmente, os intercâmbios estudantis são escolhidos por jovens que querem passar um tempo fora do Brasil aprendendo uma linguagem diferente, em meio a outra…

Por Élida Santos em 31/07/2012

Faça o intercâmbio estudantil que está dentro do que você precisa para evoluir profissionalmente (Foto: Divulgação)

Geralmente, os intercâmbios estudantis são escolhidos por jovens que querem passar um tempo fora do Brasil aprendendo uma linguagem diferente, em meio a outra cultura. Aprender inglês ou aperfeiçoa-lo, é o grande objetivo de boa parte dessas pessoas. No entanto, está muito enganado quem acha que somente nos Estados Unidos ou Inglaterra será possível fazer bons cursos de idiomas, além de conviver com pessoas que dominam a linguagem 24 horas por dia.

Leia também: Juntar dinheiro para intercâmbio – dicas

Opções de destinos para intercâmbio estudantil

Se você está nesse grupo de estudantes, que quer ir para o exterior aprender ou melhorar o seu inglês, saiba que o Canadá, Nova Zelândia, Austrália, Irlanda e até Índia e Nepal podem lhe surpreender positivamente nesse sentido. O interessante desses paises é que você poderá fazer o seu curso de idiomas, vai treinar o inglês diariamente e, ainda, terá muitas experiências diferentes com relação ao convívio social e cultura. O intercâmbio para esses locais costuma ser mais barato também, o que representa uma boa economia.

Mas, se mesmo assim você sonha em passar um tempo nos Estados Unidos ou Inglaterra estudando, saiba que esses dois países não se resumem a Nova York e Londres. Escolher o local mais apropriado para os seus interesses educacionais é essencial. Por exemplo, além do curso de inglês, procure uma especialização, que pode até ser feita em uma universidade. Muitos, também fazem parte da graduação fora do Brasil, através de convênios entre universidades (o que é muito válido para o currículo desse aluno).

O país ideal para fazer um intercâmbio pode estar longe do tradicional (Foto: Divulgação)

Confira também: Agências de intercâmbio – pacotes para cursos no exterior

Não limite suas experiências no exterior em tirar fotografias na Times Square, ou em qualquer outro monumento. Passear é importante, mas explorar as nuances educacionais é muito mais. Visite sim, todos os pontos turísticos possíveis, mas não descuide do curso que é seu foco de viagem. Para quem quer aprender um idioma, fique bem longe de brasileiros. Se não, o português sempre será o meio de comunicação escolhido, e o inglês não será aprendido como se deve.

O melhor destino para intercâmbio estudantil é aquele que atende as suas necessidades, seja por ter o curso que você pretende realizar, ou por ser o mais barato. Basta confrontar os prós e contras e assegurar que essa decisão é certeira, pois voltar atrás após o embarque é perca de tempo e de dinheiro.

Top