Inteligência social: o que é

Muitos indivíduos, para ter sucesso na vida pessoal ou profissional, buscam novos meios de socialização. Assim, eles conseguem aumentar a rede de contatos para…

Por Isabella Moretti em 11/03/2013

Muitos indivíduos, para ter sucesso na vida pessoal ou profissional, buscam novos meios de socialização. Assim, eles conseguem aumentar a rede de contatos para networking e até fazer novas amizades. No século XXI, as mídias sociais favorecem o desafio de se socializar e conhecer o outro.

A inteligência social é a arte de ser habilidoso socialmente. (Foto:Divulgação)

Saiba mais: Networking em redes sociais: como fazer

O que é inteligência social?

A inteligência social é uma habilidade da qual as pessoas compartilham ao entender e reagir às informações dentro da sociedade. Através desta capacidade, o indivíduo consegue conhecer e pesquisar o seu meio social e desenvolver relações saudáveis em prol do bem comum.

Alguns neurocientistas consideram a inteligência social como uma percepção, que combina empatia, cognição, compatibilidade e inteligência emocional. A ideia também costuma ser associada ao conceito de faculdades sociais, que diz respeito à sincronia, auto-apresentação e atenção ao outro.

O conceito de inteligência social tem como base a sensibilidade, a mobilização do poder de realização, a amizade, a valorização do ser humano, a liberdade, a negociação e a construção de acordos.

A inteligência social apresenta quatro dimensões: valorização da vida, justiça e dignidade, promoção da paz e da inclusão total e preservação radical da natureza.

Obama sabe usar a sua inteligência social. (Foto:Divulgação)

Apesar de ambas envolverem conhecimentos, a inteligência social é diferente da acadêmica. Para compreender as redes sociais e os acontecimentos, o indivíduo precisa mais do que o domínio de matemática, física, química e outras disciplinas, ele precisa ser habilidoso socialmente.

Muitas personalidades públicas utilizam a inteligência social para ter sucesso nas relações. O presidente dos Estados Unidos Barack Obama, por exemplo, sempre procurou manter a elegância, o carisma e a fala alinhada para causar boa impressão.

Dicas para melhorar a inteligência social

Confira a seguir algumas dicas para melhorar inteligência social:

• Para construir relações saudáveis, é preciso se comunicar corretamente, ou seja, saber falar na hora certa e também escutar o outro. O indivíduo deve exercitar a informação e jamais adotar comportamentos que prejudiquem as relações, como a monopolização de uma conversa;

A inteligência social faz bem para a carreira e ajuda a construir relações saudáveis. (Foto:Divulgação)

• É fundamental se colocar no lugar do outro para desenvolver empatia e compreender outro ponto de vista;

• Em alguns casos, os atos falam mais do que palavras, por isso é importante tomar cuidado com as reações. Um sorriso, por exemplo, é capaz de aliviar a pressão de muitas situações;

• Ao falar com alguém, procure manter a clareza, comum tom de voz moderado e calmo. É importante não ceder às provocações e saber argumentar;

• É preciso desenvolver a própria confiança para poder falar, caso contrário, ninguém saberá o seu ponto de vista;

• A primeira impressão é a que fica, por isso é importante caprichar na auto-apresentação.

Veja também: Curso de Inteligência Emocional

Top