Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Dietas> Dieta da Fertilidade para perder peso: Cardápio e dicas

Dieta da Fertilidade para perder peso: Cardápio e dicas

Por Andre

Enfrentando dificuldades para engravidar? Apostar na Dieta da Fertilidade pode ser uma alternativa bastante interessante para perder peso e deixar o organismo melhor preparado para a visita da cegonha.

Dieta da Fertilidade
Dieta da Fertilidade para perder peso: Cardápio e dicas (Foto: Pixabay)

Uma alimentação saudável propicia o bom funcionamento de funções motoras e cognitivas, e pode contribuir também para estimular o sistema reprodutivo, com o acréscimo de determinados alimentos no cardápio diário.

Ou seja, mudar os hábitos alimentares é uma das saídas para os casais que estão planejando ter filhos, consistindo em um dos principais segredos no processo de emagrecer para engravidar. E as mudanças propostas nessa dieta também são ótimas para os homens.

Como funciona a Dieta da Fertilidade

Criada em 2009 por pesquisadores da Harvard Medical School, a Dieta da Fertilidade é um programa de reeducação alimentar que propõe uma perda de peso duradoura e sem efeito sanfona, além de melhorar a capacidade reprodutiva da mulher e do homem.

Ao trocar o cardápio, a mulher prepara o seu corpo mais rápido para a gestação, contribuindo para melhorar a produção dos hormônios, o que influencia diretamente nas funções ovulatórias e aumenta as chances de conceber um bebê de forma saudável e espontânea.

Dieta da Fertilidade
As mudanças na alimentação beneficiam as mulheres e também os homens (Foto: Pixabay)

Como o estilo de vida é fundamental para que a fertilização aconteça de forma adequada, a dieta para engravidar também precisa vir acompanhada de outros hábitos saudáveis, como a prática de atividades físicas regulares, evitar o tabagismo, a ingestão de álcool e o uso de drogas. No caso dos homens, essa dieta ajuda na perda de peso e melhora a função e a qualidade do sêmen.

Outros benefícios da dieta da fertilidade são:

  • Previne doenças cardiovasculares
  • Melhora a qualidade do sono
  • Reduz a fadiga
  • Melhora o humor
  • Redução das cólicas menstruais
  • Diminui os problemas nas articulações
  • Fornece maior energia para as atividades do dia a dia

Alimentos permitidos

No cardápio da Dieta da Fertilidade não pode faltar algumas vitaminas e minerais que trazem ótimos benefícios para o aparelho reprodutor, tanto no homem quanto na mulher, como o licopeno (antioxidante que atua na regulação hormonal dos ovários), o ômega 3 e 6 (ação anti-inflamatória e proteção do aparelho reprodutor feminino).

Também fazem parte dessa lista o ferro (facilita a ovulação e o desenvolvimento do feto), a vitamina E (melhora as funções do endométrio e do útero, além de melhorar qualidade dos espermatozoides) e o zinco (aumenta a produção de espermatozoides e hormônios femininos), encontrados em diversos alimentos que ajudam a engravidar.

Conheça alguns dos alimentos que aumentam a fertilidade:

  • Azeite
  • Oleaginosas
  • Peixes (salmão, sardinha, atum)
  • Linhaça
  • Grãos integrais
  • Vegetais verdes escuros
  • Leguminosas
  • Carnes magras
  • Frutos do mar
  • Gérmen de Trigo
  • Feijão
  • Açaí
  • Ovos
  • Legumes
  • Frutas
  • Leite enriquecido
  • Amendoim
  • Morango
  • Goiaba
  • Óleos vegetais
Dieta da Fertilidade
Vários alimentos ajudam a aumentar a fertilidade (Foto: Pixabay)

Alimentos que devem ser evitados

Por outro lado, há alguns alimentos que você deve reduzir bastante o consumo durante o período de planejamento da gestação ou até mesmo evitá-los, como a cafeína (café, refrigerante e alguns tipos de chás) e carboidratos refinados (macarrão, pães e bolachas que contêm farinha de trigo).

Soja, sal, temperos prontos, produtos industrializados e congelados, álcool, frituras, fast food e embutidos são outros itens que precisam passar longe da sua dieta para emagrecer e engravidar.

Recomendado para você
Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *