Curativo para queimadura: como fazer

As queimaduras profundas podem colocar em risco a vida dos indivíduos acometidos. Quanto maior a queimadura, maiores são os riscos para a vítima. Existem…

As queimaduras profundas podem colocar em risco a vida dos indivíduos acometidos. Quanto maior a queimadura, maiores são os riscos para a vítima. Existem diferentes graus de lesão e cada tipo exige um socorro específico. Saiba mais sobre o assunto e veja como fazer curativo para queimadura.

As queimaduras de segundo grau causam dor intensa e formam bolhas. (Foto: divulgação)

Queimaduras

As queimaduras são lesões de pele que se formam em consequência da ação do calor ou do frio intensos, por agentes químicos como soda e ácido clorídrico, por descargas elétricas, plantas, animais e outros. Os primeiros socorros são essenciais após a ocorrência do contato com os agentes causadores do problema. Porém, por falta de conhecimento, muitas pessoas acabam por vezes cometendo alguns erros que podem agravar ainda mais o ferimento.

Alguns dos erros mais graves cometidos são de passar gelo, manteiga ou qualquer outro produto, que não seja água fria, no local. Além disso, não se deve estourar as bolhas, apertar o ferimento, retirar a pele ou arrancar a roupa caso fique grudada no corpo. Por isso, é importante conhecer os passos corretos dos primeiros socorros nas queimaduras.

Veja também 7 dicas para tratar queimaduras 

Como fazer curativo para cada tipo de queimadura

1. Queimadura de primeiro grau: esse tipo atinge somente a camada mais superficial da pele. O local fica avermelhado e geralmente bastante dolorido. É considerada uma queimadura leve e exige socorro médico somente quando atinge várias partes do corpo. O curativo deve ser feito da seguinte maneira:

  • Use água para resfriar a região. Faça isso com água corrente ou compressas úmidas. Não utilize gelo;
  • Quando o indivíduo estiver sentindo menos dor, seque a lesão lentamente, sem esfregar;
  • Tome cuidado para não apertar o local e faça um curativo com compressa limpa.

    Os curativos para queimaduras devem ser feitos corretamente. (Foto: divulgação)

2. Queimadura de segundo grau: esse tipo atinge as camadas da epiderme e derme, sendo mais profundo que a de primeiro grau. A pele fica vermelha, inchada e com bolhas. Ela se torna grave quando atinge rosto, pescoço, mãos, tórax, pés, virilhas e articulações, ou em uma área muito extensa do corpo. Veja como socorrer as queimaduras de segundo grau e realizar o curativo:

Leia Também:  Como consultar avaliação de plano de saúde pela internet

1. Utilize água limpa e corrente para resfriar a pele queimada. Coloque compressas úmidas sobre o ferimento. Jamais use gelo;

2. Seque a região sem esfregar, quando o indivíduo não estiver sentindo tanta dor;

3. Com cuidado para não apertar o local, faça um curativo com compressa limpa.

3. Queimadura de terceiro grau: todos os casos de queimaduras de terceiro grau são graves. Elas atingem as camadas mais profundas da pele, podendo chegar aos músculos e ossos. Como ocorre destruição dos nervos, não há dor. A aparência dessa queimadura é escura ou esbranquiçada. Veja o que fazer nos casos de queimaduras de terceiro grau:

  • Retire todos os acessórios e roupas, já que a região afetada irá inchar. Porém, se a roupa estiver colada, não mexa;
  • O local deve ser resfriado com compressas úmidas;
  • Nas queimaduras pequenas de terceiro grau pode ser usada água corrente. Mas somente nas pequenas;
  • Se a queimadura atingiu uma grande parte do corpo, tome cuidado para manter o indivíduo aquecido;
  • Não aperte o ferimento, faça um curativo com compressa limpa. Em lesões maiores, o ideal é que o curativo seja feito ao chegar no hospital;
  • Não dê à vítima medicamentos, alimentos ou água, pois ela pode necessitar de procedimentos cirúrgicos e se alimentar pode prejudica-la;
  • Não perca tempo e leve o indivíduo rapidamente ao hospital. Ele pode sofrer dificuldades respiratórias a qualquer momento.

    As queimaduras podem ser de primeiro, segundo e terceiro grau. (Foto: divulgação)

Veja também como evitar queimaduras com crianças dentro de casa 

As queimaduras são ferimentos que podem colocar em risco a vida dos indivíduos acometidos. Por isso, elas merecem atenção especial e os primeiros socorros devem ser realizados corretamente. Aposte nas dicas de como fazer curativo em queimaduras e saiba agir corretamente perante esses acidentes.

Leia Também:  Dicas para fazer o esmalte durar no verão

Top