Como limpar pele oleosa

Ter a pele facial perfeita é o sonho de todo mundo, afinal “o rosto é o cartão de visita de qualquer pessoa”. A perfeição…

Por Editorial MDT em 06/06/2012

Ter a pele facial perfeita é o sonho de todo mundo, afinal “o rosto é o cartão de visita de qualquer pessoa”.

A perfeição da pele não está ligada somente à ausência de rugas ou manchas, que são as inimigas mais assustadoras da pessoa vaidosa. Outros problemas, como a oleosidade excessiva, tornam a aparência do rosto um motivo de grande preocupação.

O excesso de óleo pode ser controlado

O mal da pele oleosa atinge milhares de pessoas, no mundo todo. É extremamente desagradável perceber que durante o dia todo, seja no verão ou no inverno, a pele está sempre carregada, brilhando excessivamente e com aparência de “pastel frito”. Sem contar que, na maioria dos casos, a pele oleosa ainda costuma ficar repleta de acnes.

O problema acontece devido ao trabalho descontrolado das glândulas sebáceas do rosto. Estas acabam produzindo sebo em excesso – o que faz com os poros se abram mais do que o normal, expulsando o óleo, que se aloja na superfície da pele. Esse sebo, na realidade, contribui com a hidratação da cútis, mas, produzido em excesso, torna-se um grande problema.

Saiba mais sobre pele oleosa: Pele oleosa: como hidratar

Um das formas de controlar o excesso de óleo no rosto é com limpeza adequada. Porém, muitas pessoas acreditam que amenizam o problema, lavando a pele várias vezes ao dia. A solução pode ser momentânea, fazendo com que a pessoa se sinta mais limpa. Contudo, os dermatologistas alertam: aqueles que têm pele oleosa devem lavar o rosto, no máximo, três vezes ao dia. Se, ao contrário, a pessoa lavar demais, perceberá que, em pouco tempo, o problema se tornará ainda mais grave. Isso acontece porque as células interpretam que algo está errado e começam a produzir ainda mais óleo, na tentativa de combater o ressecamento provocado pelo excesso de água e produtos de limpeza de pele.

Os homens também sofrem com a pele oleosa

Como fazer a limpeza correta

A pessoa que sofre com esse problema deve sempre ter em casa alguns produtos básicos e adequados a este tipo de pele. Começando pelos sabonetes que devem ser neutros, de preferência. Também existem outros próprios para pela oleosa ou com acne.

Como todas as outras peles, a oleosa deve ser tratada com adstringentes, contudo, deve-se evitar os que contenham álcool em sua composição. O terceiro produto importante é o hidratante. Procure aqueles adequados à pele oleosa.

1- Umedeça e pele e aplique o sabonete, espalhando-o por todo o rosto. Massageie com suavidade e em seguida, retire-o, com água fria. Atenção: nunca use água morna ou quente! A temperatura irá fazer com que os poros se abram, liberando mais óleo;

2- Após enxugar a pele, aplique adstringente, com o auxílio de algodão. Isso irá ajudar a fechar os poros, equilibrar o pH, refrescar e acalmar o rosto;

3- Por último, aplique o hidratante adequado à pele oleosa. Prefira aqueles em forma de gel, loção ou fluido, sem álcool.

Lave o rosto sempre com água fria

Sempre que fizer a limpeza, aplique um protetor solar, em gel. A proteção da pele contra os raios solares também é muito importante.

Leia também: Dicas de maquiagem para pele oleosa

Você deve lembrar que essa limpeza pode ser feita apenas 3 vezes, ao dia. Faça-a de manhã, no meio do dia e à noite, antes de dormir.

Top