Chá pode majorar risco de câncer de próstata, diz estudo

O câncer de próstata é o tipo mais corriqueiro entre homens na Escócia.

Homens que possuem o costume de tomar chá preto diversas vezes durante o dia são mais propensos a desenvolver câncer de próstata. É o que revela um estudo conduzido pela equipe da Universidade de Glasgow. Para a pesquisa, foi acompanhado o estado de saúde de seis mil cidadãos do sexo masculino. Foi descoberto que aqueles que bebiam sete xícaras de chá preto por dia haviam 50% a mais de chances de apresentar câncer de próstata do que aqueles que não ingeriam.

Leia mais: Queda de testosterona afeta o comportamento e hábitos dos homens

O câncer de próstata é o tipo mais corriqueiro entre homens na Escócia e casos notados de indivíduos com a doença no País tiveram um aumento de 7,4% entre 2000 e 2010. O estudo teve início na década de 70 e pesquisou informações de 6.016 indivíduos com idades entre 21 e 75 anos.

Pesquisa

Para a pesquisa, foi acompanhado o estado de saúde de seis mil cidadãos do sexo masculino.

Os participantes tinham que responder um questionário sobre seus costumes de ingestão de café, chá, álcool, cigarros e suas condições gerais de saúde. Menos de um quarto dos participantes consumiam a bebida a bebida regularmente e em grandes quantidades. Destes 6,4% desenvolveram a doença ao longo da pesquisa.

Pesquisadores observaram que homens que tomam mais de sete xícaras de chá por dia eram mais inclinados a desenvolver a doença do que aqueles que não bebiam chá ou que ingeriam menos de quatro xícaras por dia.

Veja também: Cafeína ajuda a reduzir probabilidade de Alzheimer

“Estudos anteriores haviam indicado uma relação direta entre o consumo de chá preto e o câncer de próstata ou ainda um efeito preventivo do chá verde”, explicou, Kashif Shafique, do Instituto de Saúde e Bem-Estar da Universidade de Glasgow.

“Descobrimos que os bebedores ‘pesados’ de chá são mais propensos a não consumir álcool, não serem obesos e terem níveis mais saudáveis de colesterol. Não sabemos se o chá em si é um fator de risco ou se os consumidores de chá são geralmente mais saudáveis e vivem até mais tarde, quando o câncer de próstata é, de toda forma, mais comum”.

Todavia, o pesquisador afirmou que foram realizados ajustes no estudo levando em conta esses detalhes, mas, ainda assim, ficou comprovado que os homens que mais tomavam chá eram mais predispostos a desenvolver câncer de próstata.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Reply