Cabelos quimicamente tratados: cuidados ao cuidar

Atualmente, são abundantes os procedimentos químicos para os cabelos. Quem não está satisfeito com a estrutura dos fios, alisa-os; quem não gosta da cor…

Atualmente, são abundantes os procedimentos químicos para os cabelos. Quem não está satisfeito com a estrutura dos fios, alisa-os; quem não gosta da cor dos cabelos ou quer simplesmente mudar um pouco o visual, tinge-os. As que desejam algo diferente, porém não radical, optam por luzes ou afins. O fato é que todos os cabelos quimicamente tratados sofrem uma alteração em sua estrutura. Em alguns casos, como os de alisamento, essa alteração é ainda mais notável, exigindo que a pessoa mude seus hábitos, passando a se dedicar muito mais aos cuidados diários. Saiba como cuidar dos cabelos que passaram por processos químicos.

Cabelos alisados são os que mais sofrem com as químicas usadas (Foto: Divulgação)

Cabelos alisados

Este é, sem dúvida, o tipo de cabelo que acaba mais fragilizado com o procedimento químico. Ao mudar a estrutura dos fios, forçando-os a serem lisos, está se submetendo os cabelos a uma fragilização que exigirá cuidados muito mais trabalhosos. Qualquer tipo de cabelo necessita de hidratação, vitaminas e outras substâncias que ajudam a mantê-lo saudável, brilhante e hidratado. A falta de umidade dos fios faz com que suas escamas se abram, aumentando a perda de água e ainda fazendo com que ganhem um aspecto de espiga de milho. Os cabelos, então, evoluem do ressecamento à quebra e pontas duplas. No caso dos quimicamente tratados, esse risco se torna muito maior. O alisamento, porém, é o processo mais agressivo com os cabelos. Eles se tornam fragilizados e com tendência muito forte ao ressecamento.

Tinturas e descolorações também exigem cuidados (Foto: Divulgação)

Vale a pena investir em ampolas de vitaminas especiais, óleos e outras substâncias, que devem ser usadas duas vezes por semana. A hidratação deve ser feita semanalmente. Para isso, é preciso comprar máscaras de boa qualidade, aplicando-as em casa, como forma de manutenção dos fios. Mas é preciso ter em mente que isso não é suficiente para os cabelos alisados. Não há como fugir do salão de beleza. Os profissionais fazem hidratações mais poderosas, com produtos especiais. Além disso, alguns procedimentos, como a reestruturação ou a cauterização, são mais potentes e têm a função de devolver proteínas aos fios.

Leia Também:  Dietas com frutas para crianças obesas

Outros casos

Hidratações semanais: essenciais (Foto: Divulgação)

De maneira menos radical, as dicas acima também são úteis a quem fez luzes, mechas coloridas ou descoloração total dos cabelos. Invista em shampoos e condicionadores para cabelos coloridos e não descuide da hidratação semanal. A cada dois ou três meses, faça cortes nos cabelos, eliminando pontas duplas. Nunca use tinta, mais do que uma vez ao mês. Para finalizar, alimente-se de forma saudável e visite o salão de beleza, de vez em quanto. Os cabelos quimicamente tratados necessitam da avaliação periódica de um profissional.

Confira novidades: Produtos para cabelos com química: lançamentos

Veja como não errar nos cuidados: Erros mais comuns em cabelos alisados

Top