Antidepressivos naturais: sugestões

Antidepressivos naturais: sugestões

A depressão é um problema que afeta muitas pessoas e pode ser altamente incapacitante, tornando a vida muito mais difícil. Normalmente o tratamento para…

Por Editorial MDT em 23/05/2013

A depressão é um problema que afeta muitas pessoas e pode ser altamente incapacitante, tornando a vida muito mais difícil. Normalmente o tratamento para depressão exige terapias combinadas, como o apoio psicológico e o uso de medicação. Mas, algumas terapias alternativas são capazes de surtir ótimos efeitos. Fique por dentro do assunto e confira algumas sugestões de antidepressivos naturais.

Confira algumas dicas para sair da depressão sem remédios.

A depressão é um problema que pode limitar as atividades diárias. (Foto: divulgação)

Atividade física regular

Praticar exercícios regularmente é uma excelente maneira de aumentar a secreção natural de endorfinas, responsáveis por proporcionar a sensação de bem-estar e ainda melhorar a circulação sanguínea, oxigenação cerebral e qualidade do sono.

Apesar da maioria das pessoas acreditarem que os exercícios intensos são mais eficazes no combate dos sintomas da depressão, nenhum estudo científico foi capaz de confirmar o assunto. Entretanto, os pesquisadores recomendam a prática de uma atividade que dê prazer.

Suplementação de 5HTP

O 5 hitroxi-triptofano (5HTP) é um aminoácido precursor da serotonina, o hormônio relacionado com a satisfação e o prazer. O 5HTP pode ser encontrado em alimentos com alto teor proteico e não é produzido pelo organismo humano. Por isso é fundamental adquiri-lo através da alimentação.

Para alguns portadores de depressão pode ser indicada a suplemebtação de 5HTP, especialmente no caso de indivíduos vegetarianos ou com dieta pobre em proteínas, que possuem grandes chances de sofrerem por deficiência do aminoácido.

A meditação é bastante poderosa contra os sintomas depressivos. (Foto: divulgação)

Meditação

A meditação é um poderoso antidepressivo natural, pois de acordo com vários estudos sobre o assunto, as técnicas de concentração e relaxamento são capazes de produzir diversas mudanças no cérebro, reduzindo ou aumentando a atividade de algumas regiões específicas. Os benefícios são decorrentes da redução e hormônios como o cortisol, diminuindo o nível de ansiedade e aumentando a liberação de endorfinas.

Suplementação vitamínica

As vitaminas do complexo B, especialmente a B12 e B9, são importantíssimas para a fabricação de neurotransmissores responsáveis por modular a resposta do sistema neurológico e hormonal. Terapias de reposição vitamínica são capazes de aliviar os sintomas depressivos e ainda potencializar a ação de medicamentos antidepressivos.

Saiba quais são os sintomas de depressão leve.

A prática de atividade física regular estimula a liberação de endorfinas. (Foto: divulgação)

Os sintomas depressivos possuem alta incidência e são capazes de limitar as funções diárias de muitas pessoas. Na maioria dos casos é necessário realizar terapias associadas, mas algumas medidas alternativas são capazes de funcionar como verdadeiros antidepressivos naturais.

Top