Menu

Brasil

Atualizado em 16 de agosto de 2012, às 9:30 por Editorial MDT
Você está em: MundoDasTribos > Notícias > Lendas do Folclore, Mitos e Contos Folclóricos

O que seria o Folclore Brasileiro, sem as lendas, mitos e contos folclóricos ?

Lenda do Folclore

As lendas nada mais são do que histórias contadas por pessoas e que conseguem ser faladas por muitas outras durante muito tempo. Normalmente as lendas são compostas de fatos reais e históricos onde acontecimentos imaginários também acontecem. Além disso, as lendas servem para explicar acontecimentos misteriosos e ou sobrenaturais.

 

mula sem cabeca Lendas do Folclore, Mitos e Contos Folclóricos

Mitos do Folclore

Os mitos servem para passar conhecimento alertando as pessoas sobre os perigos ou defeitos e qualidades do seres humanos. Há uma mistura entre Deuses, heróis e personagens sobrenaturais onde se juntam com fatos reais dando assim sentido a vida e no mundo.

Confira abaixo lendas, mitos e contos folclóricos do Brasil:

Boitatá

Cobra de fogo que tem por objetivo proteger as matas e os animais, tem a força para perseguir e matar qualquer pessoa que maltrate a natureza. A origem do Boitatá é indígena, existem relatos do mesmo em cartas do padre jesuíta José de Anchieta, em 1560. Na região nordeste, o boitatá ficou conhecido como “fogo que corre”.

Boto

Homem jovem, bonito e charmoso encanta mulheres em bailes e festas. Depois de seduzi-las, ele convida as moças para beira de um rio e as engravida. Antes que a madrugada chegue, ele mergulha nas águas do rio e se torna um boto. A origem do Boto surgiu na Amazônia.

Curupira

Seguindo o mesmo princípio do Boitatá, curupira é outro protetor das matas e dos animais silvestre. Curupira é um anão de cabelos compridos e com os pés virados para trás.

Lobisomem

Bastante conhecido, o lobisomem surge em várias regiões ao redor do mundo. Segundo o mito, um homem foi atacado por um lobo na noite de lua cheia, porém não morreu, como efeito todas as noites de lua cheia ele se transforma no lobisomem, metade homem metade lobo. Apenas um tiro de bala de prata no coração do animal pode matá-lo.

Corpo-seco

Uma assombração que surge nas estradas assustando assim todos que passam por lá. Quando vivo, este homem foi uma pessoa má, cheia de rancor e ódio no coração. Depois que morreu teve sua entrada nos céus rejeitada ficando assim perambulando como alma penada.

Pisadeira

Segundo a lenda, é uma velha de chinelos que surge nas madrugadas para pisar na barriga das pessoas, deixando-as sem ar. Dizem que ela aparece quando as pessoas vão dormir de estômago cheio.

Mula-sem-cabeça

Uma mulher teve um romance com um padre. Como castigo, nas noites de quinta para sexta-feira a mulher se transforma num animal quadrúpede que galopa e salta sem parar, enquanto solto fogo pelas narinas.

Mãe-de-ouro

Bola de jogo mostra onde as jazidas de ouro se encontram. Em outros locais conta-se que a Mãe-de-Ouro é uma mulher luminosa que voa, já em outros locais acredita-se que ela possui a forma de uma mulher linda que mora numa caverna, e após atrair homens casados, os faz largar suas famílias.

Saci-Pererê

Um menino negro de uma perna só. Acompanhado sempre de seu cachimbo e com um gorro vermelho o qual lhe dá poderes sobrenaturais. Adora aprontar travessuras e acha engraçado isso. Gosta de espantar cavalos, queimar comida e acordar pessoas com gargalhadas.

Conteúdo avaliado com média:

RECEBA OS ARTIGOS VIA EMAIL

Ao subscrever nossa newsletter, passar receber nossos artigos por email e informações sobre os nossos passatempos. É gratuito e sem spam.