Menu

Saúde

Atualizado em 20 de agosto de 2012, às 9:44 por Analu
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Anorexia: sintomas, como identificar

A anorexia é um dos transtorno alimentares mais comuns. Saiba como reconhecer os sintomas e como identificar esse distúrbio que pode ser fatal.

A palavra anorexia vem da união das palavras “An” que tem como significado “sem” e “Órexis”, que traz como definição “apetite”. Assim, como resultado dessa associação vem o significado da doença, a perda ou ausência do apetite. Esse problema é um dos transtornos alimentares mais comuns em nosso meio e que tem como manifestação principal a recusa de ingerir alimentos, mesmo quando se sente fome. Para conhecer um pouco mais sobre essa doença, conheça os sintomas e como identificar a anorexia.

Conheça as famosas que sofreram com os distúrbios alimentares

504005 A anorexia é um dos transtornos alimentares mais comuns entre a população. Anorexia: sintomas, como identificar A anorexia é um dos transtornos alimentares mais comuns na população. (Foto: divulgação)

Saiba reconhecer os sinais físicos da anorexia

A pessoa que apresenta como transtorno alimentar a anorexia pode manisfestar uma série de sintomas:

  • Apresenta restrição a certos tipos de alimentos;
  • Perda importante de peso, sem nenhuma doença que justifique a alteração ponderal;
  • Tem maior sensibilidade ao clima frio;
  • Tem sono excessivo;
  • Apresenta uma penugem fina que recobre o corpo, denominada como lanugo;
  • Quando mulher, pode ter alteração do ciclo menstrual;
  • Queda de cabelo intensificada.

As alterações comportamentais também são muito comuns

Além das manifestações físicas, o indivíduo que sofre com a anorexia também apresenta algumas alterações de comportamento muito características. Conheça abaixo quais são elas:

  • Mudanças de humor – irritabilidade, agressividade, impulsividade, tristeza e baixa auto-estima;
  • Começa a dar desculpas para não fazer as refeições em casa;
  • Inicia o uso de laxantes, diuréticos ou qualquer medicamento que favoreça o emagrecimento;
  • Vontade imensa de perder peso, mesmo estando dentro do peso ideal;
  • Preocupação exagerada na quantidade de calorias dos alimentos;
  • Alimenta-se exclusivamente de verduras e frutas;

    504005 Mesmo apresentando fome os indivíduos anoréxicos se recusam a comer. Anorexia: sintomas, como identificar Mesmo apresentando fome, os indivíduos anoréxicos se recusam a comer. (Foto: divulgação)
  • Repete insistentemente que está acima do peso e que deseja emagrecer, mesmo estando dentro do peso ideal;
  • Se pesam de modo constante, inclusive, várias vezes ao dia;
  • Começam a apresentar um isolamento social e familiar;
  • Realizam a prática de atividade física de maneira exagerada;
  • Diminuem cada vez mais a quantidade de comida no prato e, por vezes, deixando uma boa porção no prato;
  • Podem apresentar uma obsessão pelos estudos, podendo permanecer horas lendo;
  • Começam a apresentar insônia;
  • Manifestam sentimentos de culpa, logo após se alimentar;
  • Em alguns casos, podem apresentar alguns sinais de bulimia, como vomitar após se alimentar;
  • Começam a utilizar vestimentas largas e sobrepostas, de modo a esconder os defeitos físicos, como quadril largo e abdômen;
  • Recusam-se a comer quantidades normais de comida, mesmo após a orientação de médicos e familiares sobre os riscos da restrição alimentar.

    504005 A alteração do humor é uam manifestação frequente entre os indivíduos que sofrem com a anorexia. Anorexia: sintomas, como identificar A alteração do humor é uma manifestação frequente entre os indivíduos que sofrem com a anorexia. (Foto: divulgação)

A anorexia é um transtorno alimentar que acomete uma grande parte da população. Assim, é de extrema importância que os familiares e amigos fiquem atentos às alterações de comportamento, colaborando com um diagnóstico precoce.

A categoria Saúde do portal Mundodastribos.com é um espaço informativo de divulgação e educação sobre os temas relacionados à saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento, sem antes consultar um profissional de saúde.