Tratamento Para Síndrome do Pânico

Também conhecido como transtorno do pânico, a síndrome do pânico é uma condição mental psiquiátrica que tem a capacidade de fazer com que o…

Também conhecido como transtorno do pânico, a síndrome do pânico é uma condição mental psiquiátrica que tem a capacidade de fazer com que o individuo sofra algumas ataques de pânico esporádicos, muitas vezes intensos e recorrentes, os sintomas desses distúrbios são nitidamente diferente de outros tipos de ansiedade, a síndrome do pânico se caracteriza pelas crises súbitas, aparentemente sem fatores que desencadeiam essas crises, confiram nossa matéria completa para obter maiores informações sobre a síndrome do pânico.

Para quem ainda não sabe o que causa síndrome do pânico, fiquem sabendo que o estresse é um dos principais causadores da síndrome, o estresse é responsável por 80% das crises de pânico, as drogas também ajudam a crise se fortalecer, representando um outro fator de risco, desde os energéticos até as drogas pesadas, na realidade, todos os produtos que estimulam o sistema nervoso pode ajudar a síndrome se fortalecer cada vez mais.

Os interessados em conhecer um pouco mais sobre os meios de como tratar síndrome do pânico, vale lembrar que sem o tratamento adequado a síndrome do pânico e altamente incapacitante, o tratamento é realizado através de medicamentos para a crise de pânico, normalmente são prescritos antidepressivos, acompanhando de psicoterapia comportamental e cognitiva, esse tratamento é aplicado ao trabalho necessário para reconduzir o paciente à sua vida normal, vale mencionar que deve haver muita motivação e esperança para que o tratamento seja realizado com sucesso.

Para as pessoas que não conhece os sintomas da síndrome do pânico, fiquem atentos, pois numa situação de tranqüilidade o portador da síndrome pode sofrer um ataque, uma sensação de terror que aparece do nada, tomando conta literalmente do portador, seu coração dispara fazendo com que se sinta sufocado, com tontura e tremores, essa sensação pode durar cerca de dez minutos dependendo do portador da síndrome, vale lembrar que os principais sintomas são a taquicardia, sudorese, falta de ar, tremor, fraqueza nas pernas, ondas de calor e frio, tontura, sensação de que vai desmaiar a qualquer hora, derrame, perigo de morte, entre outras.

Esperamos que tenham gostado da nossa matéria e que todos possam ter a oportunidade de oferecer um dos tratamentos da síndrome do pânico para seus familiares ou amigos que possuem essa síndrome, desejamos a todos uma ótima semana e até a próxima.





Este artigo possui 2 comentários

  1. jussara aparecida
    Publicado em 24/11/2011 às 3:45 PM [+]

    Olá, fui ao psiquiatra e ela disse que o que tenho é uma ansiedade e que não chegava a ser panico,mas passou rivotril e sertralina, não tomei pois tive receio de viciar nos remedios. Tenho sintomas estranhos como as vezes dormencia no corpo, as vezes parece que vou sair do meu corpo é super ruim e estranho o que posso fazer para diminuir esses sintomas sem tomar esses remedios?

  2. Karen - Equipe Mundo das Tribos
    Publicado em 24/11/2011 às 6:09 PM [+]

    Olá, Jussara.

    O mais adequado é você procurar um profissional da área, e informar que não deseja tomar medicamento para o tratamento.

    Boa Sorte!


Top