Russo paga R$ 4,5 bilhões em divórcio mais caro da história

Russo paga R$ 4,5 bilhões em divórcio mais caro da história. O oligarca Dmitry Rybolovlev, de 47 anos de idade, descobriu que casar foi…

Russo paga R$ 4,5 bilhões em divórcio mais caro da história. O oligarca Dmitry Rybolovlev, de 47 anos de idade, descobriu que casar foi fácil, complicado mesmo foi se separar. Isso porque ele foi obrigado, por uma corte suíça, a pagar o equivalente a 4,5 bilhões de dólares para a ex-esposa.

Russo paga R$ 4,5 bilhões em divórcio mais caro da história para sua ex-mulher (Foto: Divulgação)

Leia mais informações sobre: Os divórcios milionários dos famosos

Russo paga R$ 4,5 bilhões em divórcio mais caro da história

A decisão que levou o russo a pagar R$ 4,5 bilhões no divórcio mais caro da história, foi concedida no dia 19 de maio, pelo Geneva Tribunal of First Instance. Depois que deixou o marido Elena ficou sem a vida que tinha antes, sem o dinheiro, e resolveu entrar na justiça. Ela pediu 146 milhões de dólares, além de ficar em Gstaad, na Suíça.

Homem tem grande prejuízo com divórcio

O homem teve que pagar 4,020,555,987.80 francos suíços, o que dá 4,509,375,184.80 dólares. Com certeza muitas pessoas não sabem o que fazer com tanto dinheiro. A ex-mulher do russo também ganhou a custódia da filha de 13 anos do casal, Anna. O pedido inicial de Elena era de 6 bilhões de dólares pelo divórcio.

Saiba informações sobre: Londres é a capital do divórcio: saiba mais

 

Homem deve contestar valor pago a ex-mulher (Foto: Divulgação)

Fortuna de russo é enorme

O casal se conheceu em uma universidade russa, em Perm, e em 1987 oficializaram o casamento. Em 2008, o processo de divórcio começou e os pedidos de dinheiro também. Rybolovlev fez fortuna na Rússia no ramo dos fertilizantes.

Atualmente ele possui o dono do time de futebol de Mônaco, que disputa a liga francesa. Segundo um ranking feito pela Forbes ele é o 78º homem mais rico do mundo. Agora que perdeu o dinheiro no divórcio ele foi para a 147ª posição no ranking de mais ricos do mundo. Provavelmente ele vai recorrer da decisão, mas os juízes já demonstraram que são favoráveis ao caso.

Continuar Lendo  Curiosidades: Nelson Mandela

Top