Papa Bento XXI renuncia pontificado dia 28 de fevereiro

Nesta segunda-feira, 11, o então Papa Bento XVI anuncia sua renúncia ao cargo. A saída só acontece efetivamente no dia 28 de fevereiro, mas…

Nesta segunda-feira, 11, o então Papa Bento XVI anuncia sua renúncia ao cargo. A saída só acontece efetivamente no dia 28 de fevereiro, mas é preciso fazer um aviso prévio para que todos tomem conhecimento e as devidas providências. Bento XVI surpreendeu a todos com a declaração em latim durante um consistório para a canonização de dois mártires. Saiba um pouco mais sobre o assunto.

Bento XVI deixará o cargo no dia 28 de fevereiro de 2013. (Foto: Divulgação)

O motivo da renúncia de Papa Bento XVI

Segundo o pontífice, o motivo por deixar o cargo é a sua idade já avançada. Com 85 anos, Bento XVI se mostra cansado e um pouco debilitado. Ele disse que “não tem mais forças” para continuar. Ainda afirmou que tem noção da gravidade de sua ação.

O Vaticano confirmou tudo e disse que o papado vai ficar vago até a escolha de um sucessor. Desde o ano passado já haviam rumores de uma possível renúncia do Papa, mas nada foi confirmado até o dia de hoje. Ele está livre para tomar essa decisão, mas que deve ser muito bem calculada, pois é algo sério perante as leis da igreja.

Entre alguns trechos de seu discurso estão:

“Após ter repetidamente examinado minha consciência perante Deus, eu tive certeza de que minhas forças, devido à avançada idade, não são mais apropriadas para o adequado exercício do ministério de Pedro.” 

“…e bem consciente da seriedade desse ato, com plena liberdade, declaro que renuncio ao ministério como Bispo de Roma, sucessor de São Pedro, confiado a mim pelos cardeais em 19 de abril de 2005, a partir de 28 de fevereiro de 2013, às 20h, a Sé de Roma, a Sé de São Pedro, vai estar vaga e um conclave para eleger o novo Sumo Pontífice terá de ser convocado por quem tem competência para isso.” 

O exemplo mais conhecido de renúncia de um Papa é a de Celestino V em 1294. O último papa a renunciar foi Gregório XII em 1409.

Leia Também:  Designers inventam porta giratória que armazena energia para gerar eletricidade

O papado de Bento XVI

Luiz Inácio Lula da Silva e a então primeira-dama Marisa, na visita de Bento XVI ao Brasil em 2007. (Foto: Divulgação)

Bento XVI foi escolhido para Papa no dia 19 de abril de 2005, quando a fumaça branca saiu pela chaminé da Capela Sistina às 17h50. Alguns minutos depois, o cardeal alemão surgiu na varanda da Basílica de São Pedro, onde foi aclamado por milhões de fiéis. Esse não foi um Papa tão aclamado quanto o seu antecessor, João Paulo II, que deixou o cargo depois de sua morte. O Papa que hoje anunciou sua renúncia, visitou o Brasil em 2007 e fez inúmeras viagens pelo mundo.

Confira mais sobre Bento XVI em:

Jornada Mundial da Juventude 2013

Bento XVI em visita a Alemanha

 

 

Top