quarta-feira, 10 de agosto de 2022 - 10/08/2022 21:23:29
MundodasTribos

A partir do dia 16 de janeiro de 2013, entrarão em vigor a nova política de privacidade e os novos termos de uso do Instagram, rede social de compartilhamento de fotografias, lançada em outubro de 2010 e que conta atualmente com mais de 100 milhões de usuários ativos em todo o mundo.

A partir de 16 de janeiro de 2013, entrarão em vigor novas regras para os usuários do Instagram, rede social de compartilhamento de imagens (Foto: Divulgação)

Com as novas regras do Instagram, postadas no blog oficial da empresa no dia 17 de dezembro, qualquer foto que estiver no banco de dados da rede social, além de outras informações, como dados de localização, identificadores de dispositivos, etc, poderão ser vendidos para empresas e organizações, inclusive para fins publicitários.

O direito à venda das imagens postadas pelos usuários e também das suas informações está descrito em dois itens adicionados aos termos de uso do serviço. Em um deles, o Instagram informa que o usuário concede ao serviço uma licença para usar tudo o que for postado na rede, sem receber nenhuma compensação por isso.

No outro, a empresa ratifica esses detalhes, mas afirma que o usuário ainda manterá o controle total sobre as pessoas que poderão ter acesso ao conteúdo postado. Confira as mudanças na seção Termos de Uso do Instagram (em inglês).

Saiba mais: Como aumentar a privacidade no Instagram

O que este artigo aborda:

A repercussão das novas regras do Instagram

Os usuários não receberam bem as mudanças no Instagram (Foto: Divulgação)

Apesar das explicações dadas pelos diretores do Instagram, justificando que as mudanças na política de privacidade e nos termos de uso da rede social são necessárias para o combate aos spams e para a maior proteção dos usuários, tais alterações não foram bem recebidas por quem utiliza o serviço.

Em diversas redes sociais, fóruns de debate na internet e comentários postados em sites de notícias, é enorme a reclamação dos usuários do Instagram, que não gostaram nada de saber que terão suas fotos, nomes e outros dados vendidos, sem receber nenhum centavo em troca.

Faça músicas com as suas fotos: Aplicativo que faz música no Instagram

Não gostei das novas regras do Instagram. O que faço?

Para quem não concordar com as novas regras, a alternativa será deletar a sua conta (Foto: Divulgação)

Se você está entre os que não concordam com as novas regras do Instagram, a própria empresa aconselha a não acessar ou usar o serviço. Caso já possua uma conta na rede social e não quer ter os seus dados comercializados, a alternativa é salvar as imagens em um PC ou dispositivo móvel e deletar o seu perfil antes da entrada em vigor das novas regras, no dia 16 de janeiro de 2013.

Fontes: G1 e O Globo

O conteúdo "Novas regras do Instagram" foi feito por Andre e distribuído por MundodasTribos na categoria Tecnologia em .

1

Pode ser do seu interesse

Galaxy Tab Samsung, Mercado Livre

Galaxy Tab Samsung, Mercado Livre

TV Sony 3D – Vídeo Sony Vegas

TV Sony 3D – Vídeo Sony Vegas

Modelos de TV com acesso à internet: preços, onde comprar

Modelos de TV com acesso à internet: preços, onde comprar

Google pode lançar novo Android na próxima semana, diz site

Google pode lançar novo Android na próxima semana, diz site

Aplicativos de smartphone para ciclistas

Aplicativos de smartphone para ciclistas

HP Liga Impressoras à Web

HP Liga Impressoras à Web