Nova regra da meia-entrada: esclareça as dúvidas

Aconteceu o que muitos estudantes temiam: a meia-entrada agora é de limitada a 40% dos ingressos disponíveis para uma sessão de cinema, por exemplo.…

Aconteceu o que muitos estudantes temiam: a meia-entrada agora é de limitada a 40% dos ingressos disponíveis para uma sessão de cinema, por exemplo. A presidente Dilma Rousseff sancionou a lei que limita a meia-entrada a 40% dos ingressos. Essa lei é válida em eventos culturais, esportivos, porém, os jogos da Copa do Mundo de 2014 e Olimpíadas de 2016 não foram incluídos.

Pessoas vindas de famílias carentes terão direito a meia entrada (Foto: Divulgação)

Apresentação de carteirinha para pagar meia-entrada será obrigatória

O que acontecia até agora é que os estudantes conseguiam pagar meia-entrada com a apresentação do boleto do curso, por exemplo. Agora, quem não estiver em posse de uma carteirinha com validade em vigor não consegue mais pagar meia.

Além disso, os centros estudantis que emitem as carteirinhas de estudante poderão passar por fiscalização. A nova leia da meia-entrada já está rendendo muitas discussões. Produtores culturais terão seis meses para se adequar ao regulamento de meia-entrada.

Entenda melhor a lei da meia-entrada

O principal ponto da lei que determina pagamento da meia-entrada em shows, teatros e cinema é que até o momento qualquer estudante que comprovasse a matricula em instituições de ensino regular ou superior pagava meia. Mas, agora, quem quiser pagar meia-entrada estará refém de uma cota de 40% do total de ingressos, além de ter que apresentar a carteirinha de estudante.

Além disso, quem for comprar ingresso pela metade do preço deve ter idade entre 15 e 29 anos. As entidades que emitem as carteirinhas vão ser fiscalizadas e devem montar um banco de dados com informações desses alunos.

Jovens de baixa renda poderão pagar meia-entrada

Outra mudança é o ponto que indica que jovens de famílias com renda de até dois salários mínimos poderão pagar meia-entrada, mesmo se não estiverem estudando. Esse benefício não vale para a Copa do Mundo de 2014 e nem para as Olímpiadas de 2016.

Meia-entrada agora terá cota de 40% dos ingressos (Foto: Divulgação)

Nova meia-entrada deve barrar aumento de eventos culturais e esportivos

Ter uma carteirinha de estudante não é nada complicado, já que as pessoas conseguem isso sem maiores complicações em instituições que imitem o produto. Pagando uma taxa de utilização você pode ter uma carteirinha de estudante, mesmo sem estudar. Fora isso, muitos falsificam a carteirinha para entrar no cinema pagando menos.

Leia Também:  Programa Minha Casa Minha Vida 2016

Por isso, a medida sancionada por Dilma pode indicar uma queda nos preços de eventos, pois a maior parte de quem frequenta certos eventos culturais esportivos pagam meia mesmo sem ter esse direito adquirido. Em alguns casos o preço do ingresso chega a ser 80% maior para que o efeito da meia-entrada não deixe os organizadores no prejuízo.

Top