Mitos e verdade sobre mamoplastia redutora

Muitas mulheres sofrem com os impactos negativos de ter seios grandes, o que pode comprometer a saúde delas. A mama muito grande pode causar…

Por Editorial MDT em 26/06/2013

Muitas mulheres sofrem com os impactos negativos de ter seios grandes, o que pode comprometer a saúde delas. A mama muito grande pode causar diversos problemas para as mulheres, como dores crônicas nas costas, nos ombros, assaduras na pele e muito mais. Saiba mais sobre o assunto e confira os mitos e verdades sobre a mamoplastia redutora.

A mamoplastia redutora deve ser feita por mulheres com seios grandes. (Foto: divulgação)

Excesso de peso nas mamas

O peso excessivo nas mamas por muitos anos pode provocar o espaçamento entre as vértebras, como hérnias de disco e surgimentos de desvios na coluna. Devido as diversas consequências provocadas por essa condição, para acabar com o sofrimento, a cirurgia de redução das mamas é uma excelente opção. A mamoplastia redutora está entre os tipos de plásticas para os seios mais usados pelas mulheres.

De acordo com especialistas, a mamoplastia redutora faz com que seja retirado o tecido mamário gorduroso excessivo e também reposiciona as aréolas, que na maior parte dos casos se encontra abaixo da posição normal. Usando uma das técnicas de redução, o cirurgião sobe as aréolas e mamilos, procurando manter os canais de leite e vasos sanguíneos, com o intuito de preservar a capacidade de amamentação.

O excesso de tecido mamário procura  manter o aspecto arredondado das mamas. A cicatriz da cirurgia fica ao redor da aréola e nas mamas, formando um aspecto de ancora ou “T” invertido.

A cirurgia é feita de acordo com as necessidades de cada pessoa. (Foto: divulgação)

Mitos e verdades sobre a mamoplastia

1. A cirurgia pode interferir na amamentação

Verdade. Mesmo sendo raros, 5 % dos pacientes podem apresentar dificuldades de amamentar.

2. A cirurgia não deixa cicatrizes.

Mito. Tudo depende do tamanho dos seios, as cicatrizes podem ser mais extensas em mamas maiores.

3. As mamas grandes não causam problemas a saúde.

Mito. Mamas muito grande podem causar problemas de postura, dermatológicos e até mesmo psicológicos.

4. O piercing deve ser retirado na cirurgia.

Verdade. É essencial tirar os piercings dos seios e fazer uma limpeza rigorosa para evitar risco de infecção.

5. O sol não é prejudicial no pós-operatório.

Mito. Tomar sol depois da cirurgia pode prejudicar a cicatrização e causar pigmentação na cicatriz.

6. Mulheres com seios caídos podem fazer a mamoplastia

Verdade. Apesar de serem usadas técnicas diferentes, a cirurgia pode ser feita por quem tem mamas grandes e também por quem possui seios caídos.

7. A mamoplastia pode causar redução da sensibilidade das mamas.

Verdade. Apesar de ocorrer em casos muito raros, é possível que ocorra diminuição da sensibilidade das mamas.

A mamoplastia redutora é uma cirurgia plástica. (Foto: divulgação)

A cirurgia plástica para redução de mama é indicada para mulheres que possuem seios muito grandes e sofrem com as consequências desse peso. O ideal é consultar um médico especialista para avaliar o caso e indicar qual o procedimento correto a ser tomado

Top