Manchas de pele causadas pelo sol: como evitar, tratamentos

O sol aparece durante o ano todo e quem tem tendência ao aparecimento de manchas na pele deve se proteger, o tempo inteiro. Porém,…

O sol aparece durante o ano todo e quem tem tendência ao aparecimento de manchas na pele deve se proteger, o tempo inteiro. Porém, no verão, a incidência de raios solares é muito maior e bastam apenas algumas horas de exposição, para que os sinais em tom marrom apareçam. Estas manchas têm permanência duradoura e são difíceis de sumir. É preciso ter cuidados redobrados, nesta época do ano. Veja como evitar manchas de pele e quais os tratamentos para clareá-la.

No verão, as manchas ficam mais evidentes (Foto: Divulgação)

Manchas de pele: como evitar

Se, com a exposição aos raios solares, a incidência das manchas de pele é maior, então o mais sensato a fazer é protegê-la. Para isso, o uso do bloqueador solar é imprescindível. Há pessoas que, mesmo ficando ao sol, adquirem um belo bronzeado e não ficam com manchas, embora também corram os riscos desta exposição. Porém, a tendência ao aparecimento de manchas pode fazer com que, mesmo com a proteção adequada, a pele fique manchada.

Para as pessoas que sofrem com o rosto manchado pelo sol (ou qualquer outra parte do corpo), o ideal é usar o protetor, mas também evitar o sol, por meio de chapéus e bonés.

Tratamentos com laser e luz pulsada são mais rápidos, porém mais caros (Foto: Divulgação)

Tratamentos para manchas de pele

Quando as manchas já se instalaram, é preciso clarear a pele. Para isso, existem cosméticos específicos, que promovem a renovação celular. Com o uso contínuo, a pele passa por uma leve descamação, sendo recomposta, aos poucos. Com novas células, acontece o clareamento. Os produtos também evitam a produção de melanina, que é o pigmento marrom que dá origem às manchas.

Leia Também:  Aprenda a preparar biscoitos amanteigados

Há tempos, para clarear manchas na pele era necessário fazer tratamentos durante o inverno. Porém, hoje, existem alternativas eficazes, que podem ser aplicadas em qualquer estação do ano, embora exijam privação de sol.

O protetor solar é imprescindível (Foto: Divulgação)

Lasers e outros métodos com luz também são alternativas para o tratamento das manchas de pele. Alguns destes tratamentos, além de oferecerem resultados mais rápidos, também não a descamam. A exposição ao sol, desde que seja feita com proteção e não seja excessiva, é permitida, em alguns casos.

Em suma, existem diversas alternativas para se tratar a pele manchada, sem a necessidade de esperar pelo inverno. Vale dizer, porém, que qualquer opção deve ser indicada por um médico dermatologista, especialmente se a pessoa fizer uso de medicamentos tópicos. Caso contrário, a pele poderá ficar ainda mais manchada, podendo ocorrer até mesmo ferimentos, pois os produtos contêm ácidos.

Top