Inter goleia o Vasco e segue vivo na luta por uma vaga na Libertadores

Irresistível, colorado não toma conhecimento do líder do Brasileirão, massacra e atropela o Vasco no Beira-Rio

Argentino D'Alessandro marcou o primeiro gol da goleada colorada

O Internacional dominou o Vasco do início ao fim do jogo no Beira-Rio e goleou o adversário por 3 a 0. D’Alessandro, Índio e Tinga marcaram os gols da vitória colorada. Com os três pontos, o Inter chega aos 43 e se aproxima do grupo que garante vaga na Copa Libertadores do ano que vem.

Domínio colorado na primeira etapa

Como apenas a vitória interessava, o Internacional fez valer do fator casa e partiu para cima do Vasco. O colorado levava perigo pelo lado esquerdo, apostando nas investidas ofensivas do lateral Kléber. Porém, o Inter esbarrava no sistema de marcação vascaíno, bem postado em campo. Antes dos sete minutos, o goleiro Fernando Prass já havia salvado o Vasco em dois lances.

Com uma postura ofensiva, o Inter sufocava o Vasco, ficava mais tempo coma bola nos pés e não permitia que os vascaínos criassem jogadas ofensivas. Fechado na defesa, a equipe carioca limitou-se apenas a marcar os colorados nos primeiros vinte mintuos.

Melhor em campo, o Inter assustou aos 22. D’Alessandro bateu cruzado para ótima defesa de Fernando Prass. No rebote, Nei cabeceou, mas a zaga afastou.

Somente aos 26, o Vasco chegou com perigo ao ataque. D’Alessandro perdeu a bola para Éder Luis, que avançou e cruzou para Diego Souza bater de primeira e Muriel espalmar.

O colorado deu uma esfriada em campo, mas aos 43 voltou a atacar com Bolatti, que obrigou Fernando Prass a trabalhar. O volante argentino chutou de longe, mas o goleirão do Vasco bem posicionado espalmou a bola para escanteio.

O Vasco acordou no fim da etapa inicial e quase marcou aos 46. Fagner cruzou a bola na área e Diego Souza apareceu sozinho para cebecear, só que a bola foi pela linha de fundo.

Continuar Lendo  Uniforme do Internacional 2012-2013

Inter goleia na segunda etapa

A exemplo do início da partida, o Inter continuou no ataque na segunda etapa. E não demorou muito para o colorado abrir o marcador. Andrezinho avançou pela direita e rolou para D´alessandro, dentro da área, finalizar de direita para marcar o primeiro. O massacre do Inter prosseguia e aos cinco quase Andrezinho ampliou. O meia recebeu dentro da área, finalizou, mas a bola passou pelo lado esquerdo do gol de Fernando Prass.

A pressão colorada seguia. O jovem Elton fez jogada individual e finalizou com precisão no canto direito do gol de Fernando Prass, mas o goleirão vascaíno salvou o time carioca.

Acuado em seu campo de defesa, o Vasco saiu um pouco de trás e quase empatou aos 24. Éder Luis partiu sozinho e bateu forte para defesa segura de Muriel.

No momento em que o Vasco ameaçava um areação, o Inter liquidou o jogo. D’Alessandro levantou a bola na área, Bolatti cabeceou, o goleiro Fernando Prass espalmou, mas a bola sobrou na cabeça de Índio, que não perdoou: 2 a 0 colorado.

No fim ainda deu tempo de o colorado ampliar. Elton fez boa jogada pelo lado esquerdo e cruzou para Tinga completar para o gol.

Top