Corsets e espartilhos para Tight Lacing: como usar, cuidados

Nos dias atuais, o Corset volta com tudo para o guarda-roupa feminino, procurando conferir uma postura mais ereta às mulheres, o que já deixa…

Por Paulo Lima em 09/05/2013

Nos dias atuais, o Corset volta com tudo para o guarda-roupa feminino, procurando conferir uma postura mais ereta às mulheres, o que já deixa sua aparência mais desejável, juntamente com a modelagem da cintura para uma silhueta mais curva. Entretanto, não só apenas pela questão momentânea ao sair de casa, existe uma prática que visa afinar a cintura feminina de uma forma definitiva e saudável, sem a necessidade de remoção de costelas e cirurgias do gênero. Portanto, saiba o que é e quais são os modelos de espartilhos para Tight Lacing:

Veja quais são os modelos especiais de espartilhos para Tight Lacing e diminua as suas medidas (Foto: Divulgação)

Tight Lacing – o que é e como fazer?

O Tight Lacing é uma prática que consiste no uso gradativo do espartilho para a redução de medidas. Porém, antes de começar a praticar é necessário consultar um médico e também ser uma adepta dos exercícios físicos para não comprometer a estrutura do corpo. Sem exercícios físicos, toda gordurinha localizada desce, formando um pequeno pneuzinho em torno dos quadris.

Saiba mais sobre o Tight Lacing.

A prática de Tight Lacing deve começar com o uso de 2 horas diárias ou 4 horas para quem tem familiaridade com a peça, sendo acrescidas sempre duas horas a mais mediante a aceitação do corpo. A previsão é de que no mesmo mês em que se utilize o Corset por 8 horas consecutivas, no mínimo 4 centímetros de circunferência já sejam eliminados.

Adapte-se gradualmente à peça antes de ampliar a carga horária de uso do corset (Foto: Divulgação)

Uma mulher pode chegar até 20 horas diárias de uso do espartilho, podendo utilizá-lo também para dormir. Entretanto, para isso é necessário no mínimo 3 meses de adaptação e não apertar muito o corset para não ter problemas durante o sono.

Cuidados e como usar

Assim como toda a peça, é fundamental tomar cuidados com o espartilho. Isto é, utilize-os sempre com um liner (malha de algodão especial para diminuir o atrito com a pele) e deixe o seu corset fora do guarda-roupa por algumas horas antes de guarda-lo após o uso.

Dependendo do tipo de peça, evite lavá-la e limpe apenas com um pano úmido (Foto: Divulgação)

Evite lavá-lo, mas na hora em que necessário, molhe delicadamente a peça e com a ajuda de uma escovinha passe sabão de coco neutro, deixando-a secar naturalmente e de preferência em dias quentes, para que seque mais rápido. Nunca torça a peça, apenas aperte-a no sentido das barbatanas para retirar a água excedente. Para os modelos em verniz ou couro, passe apenas um pano úmido.

Modelos de espartilhos para Tight Lacing

Os modelos de espartilhos para Tight Lacing são sempre os underbusts ou waist chinchers, que se assemelham aos cintos e permitem uma maior compressão do corpo sem ocasionar danos. Os modelos overbusts, que cobrem todo o busto e as costas, são os mais indicados para festas e outros eventos, pois caso você os use para Tight Lacing, além de não serem confortáveis, podem evitar a respiração por serem muito grandes e especiais para a função estética.

Os modelos abaixo do busto são os mais indicados para Tight Lacing (Foto: Divulgação)

Confira a seguir a galeria de imagens com alguns modelos de corsets para Tight Lacing:

Saiba também: Como usar o corset para modelar o corpo.

Top