Comprar celular para a criança: sim ou não?

Com os avanços tecnológicos e a mudança de costumes da sociedade, ocorreram muitas transformações que podem acabar deixando algumas pessoas com várias dúvidas. Atualmente…

Com os avanços tecnológicos e a mudança de costumes da sociedade, ocorreram muitas transformações que podem acabar deixando algumas pessoas com várias dúvidas. Atualmente é possível encontrar crianças cada vez mais novas usando aparelhos celulares, e enquanto muitos pais apoiam essa ideia, outros se opõem.

Crianças cada vez mais novas estão aderindo ao uso de celular. (Foto: divulgação)

Na verdade existem vantagens e desvantagens dessa prática que devem ser levadas em consideração pela família, antes de tomar a decisão final. Fique por dentro do assunto e saiba se os pais devem ou não comprar celular para crianças, além de qual a idade ideal para dar o aparelho ao seu filho.

O uso de celular por crianças

Muitas pessoas podem achar inadequado dar um celular de presente à uma criança, que nem sempre tem maturidade para lidar com algumas situações que possam ocorrer. Entretanto, com as enormes facilidades tecnológicas em telefonia, o surgimento de aparelhos voltados ao público infantil e até mesmo planos onde é possível ter certo controle das chamadas, pode não ser uma má ideia permitir que o filho use celular.

O mais importante é que os pais deixarem claro ao pequeno que o propósito do aparelho não é sair fazendo ligações para qualquer amigo, e sim servir de ajuda em situações de emergência, onde os pais necessitem encontrá-lo.

O melhor celular para o público infantil

As crianças encontram-se cada vez mais exigentes, mas não é recomendado que os pais comprem aparelhos com todas as funcionalidades de aparelhos comuns. Caso os genitores optem por permitir que a criança use celular, é recomendado seguir algumas dicas que ajudam a garantir a segurança dos pequenos. Dependendo da idade da criança e do seu nível de maturidade, os pais podem optar por aparelhos fabricados exclusivamente para o público infantil, como o celular da Barbie.

É possível encontrar celulares voltados especificamente para o público infantil. (Foto: divulgação)

A grande vantagem é que esses modelos não possuem teclas alfabéticas e nem todas as teclas numéricas, como nos demais celulares. Ao invés disso, existem alguns poucos botões que permitem fazer ligação para números previamente salvos no aparelho. Para atrair a atenção da criança, a maioria desses modelos possui alguns joguinhos.

Continuar Lendo  Remédio caseiro para menstruação atrasada

Cuidados que devem ser tomados

É fundamental seguir algumas precauções a respeito do uso de aparelhos celulares, como:

  • Não estimule a criança a ficar usando o aparelho. O ideal é que os pais incentivem-as a recorrer ao celular apenas em situações de emergência;
  • Acostume a criança a utilizar o viva-voz sempre que possível;
  • Dê preferência aos planos pré-pagos, e não deixe de checar o saldo do filho e ver a lista de ligações recebidas e realizadas.

Os pais devem conversar com os filhos e deixar claras todas as regras. (Foto: divulgação)

O aparelho celular é um importante avanço tecnológico, que pode servir para proporcionar maior segurança aos pais e evitar acidentes. Entretanto, o mau uso desse tipo de aparelho pode acabar colocando a criança em risco. Por isso, o mais recomendado é permitir que os pequeno utilizem o aparelho, desde que sigam algumas regras bem estabelecidas entre a família.

Top