Como perdoar uma traição

Lidar com uma traição é uma tarefa bastante delicada, pois esse tipo de situação mexe profundamente com as emoções e depende de inúmeros fatores…

Lidar com uma traição é uma tarefa bastante delicada, pois esse tipo de situação mexe profundamente com as emoções e depende de inúmeros fatores que variam de uma pessoa para outra, como as experiências vividas e o amor envolvido no relacionamento.

A traição é algo delicado de lidar. (Foto: divulgação)

A “vítima” da traição se sente imensamente magoada, e acaba com a autoestima abalada. Entretanto, muitos casais decidem dar a volta por cima e continuar apostando na relação. Saiba mais e confira algumas dicas de como perdoar uma traição.

Acabando com a baixa autoestima

As pessoas gostam de se sentir insubstituíveis e únicas, ao menos para o parceiro. Uma traição é capaz destruir a ideia de que se é especial, provocando muita dor e abalando o emocional. Não é possível continuar um relacionamento vivendo com esse tipo de incerteza, e por isso é preciso bastante esforço para contornar a situação.

A solução para não sofrer com esse tipo de problema é trabalhar a autoestima, buscando maneiras de lembrar o quão valioso se é e tentando entender que a vida é importante e segue em frente, independente do relacionamento. Esse é um momento em que vale a pena dar um tempo para refletir sobre a vida e refletir se vale mesmo a pena investir no relacionamento.

Não conviva com a mágoa

A traição provoca um sentimento de injustiça, que deprime o indivíduo traído e piora ainda mais a autoestima. Se for pra continuar com a relação, é fundamental aprender a lidar com esse tipo de sentimento, pois caso contrário, o resultado será uma dor insuportável de se conviver.

É preciso seguir algumas dicas para se restabelecer e recomeçar o relacionamento. (Foto: divulgação)

Buscar apoio em grupos de discussão e com amigos com experiências semelhantes pode ser bastante útil, pois saber que várias pessoas estão passando ou já passaram pela mesma situação acaba sendo reconfortante. Entretanto, é preciso seguir uma dica importantíssima: a pessoa traída deve buscar esse tipo de experiência e, assim que matar sua curiosidade, parar de fazê-lo o mais rápido possível, afinal, ninguém quer ficar muito tempo remoendo histórias que só machucam.

Extravase a raiva

Numa situação delicada como essa, é totalmente compreensível sentir raiva e até mesmo desprezo pelo parceiro traidor. A dica é não reprimir esse sentimento e se permitir viver e sentir a raiva. Esse é a única maneira de acabar com esse sentimento de uma vez por todas.

Pessoas que estão afim de perdoar e continuar com o relacionamento têm o costume de fingir que está tudo bem, mesmo estando com raiva. O problema é que esse sentimento, quando reprimido, pode se transformar em ódio e acabar com todas as chances de sucesso entre os dois.

A raiva reprimida pode se transformar em ódio. (Foto: divulgação)

Perdoar uma traição é uma decisão bastante delicada e que depende de vários fatores pessoais. Indivíduos que decidem continuar apostando no relacionamento devem seguir alguns passos para se reestabelecerem e se prepararem para recomeçar o relacionamento. Vale a pena lembrar que é preciso ter bastante paciência e persistência, pois todo o processo leva bastante tempo e exige muita maturidade de ambas as partes.

Top