Como evitar o perfeccionismo no trabalho

Definir pessoas está longe de ser uma tarefa simples. A grande maioria dos acontecimentos é interpretada pelas pessoas, sob uma perspectiva muito pessoal. Entretanto,…

Definir pessoas está longe de ser uma tarefa simples. A grande maioria dos acontecimentos é interpretada pelas pessoas, sob uma perspectiva muito pessoal. Entretanto, algumas características permitem constatar certos padrões de comportamento. Sob esta ótica, é possível identificar muitos aspectos da pessoa que se comporta como um perfeccionista. Para muitos, essa definição pode até soar como algo bom. Porém, existe um lado obscuro e altamente prejudicial, no perfeccionismo. Em primeiro lugar, o prejudicado pelo comportamento é o próprio sujeito. Consequentemente, os que estão ao seu redor também serão atingidos, de forma negativa, pela sua perseguição incessante pela perfeição. A pessoa perfeccionista tem esse comportamento, em todos os setores da vida. No entanto, o ambiente profissional pode ser terreno fértil para o agravamento do problema e para o prejuízo à vida dos demais. Veja como evitar o perfeccionismo no trabalho.

O perfeccionismo acaba por afetar a todos (Foto: Divulgação)

Não seja precipitado

Atividades comuns e rotineiras do trabalho, bem como projetos específicos, podem se tornar um problema muito grande para o perfeccionista. Como a busca pela perfeição é uma constante em sua vida, logo de cara costuma concluir que as coisas não darão certo. Algo simples torna-se grande, aos olhos do sujeito, já que as coisas nunca estão perfeitas para ele. A dica é ter paciência e não ser precipitado. Dê andamento num projeto, seja individual ou coletivo, procurando não se prender aos detalhes negativos que ele apresenta. Procure resolver o que se pode, ao final dele. Aceite o que não pode ser mudado.

A sobrecarga é uma das consequências na vida da pessoa perfeccionista (Foto: Divulgação)

Confie nos outros

O perfeccionista costuma não confiar nas pessoas, já que elas nunca farão as coisas, de forma 100% correta. O pior é que ele sequer confia em si próprio, pois sempre acaba encontrando defeitos no que faz e, principalmente, no que os outros fazem. Quem pensa desta forma deve procurar relaxar e acreditar na capacidade alheia. Agindo assim, a carga de tarefas irá diminuir e as relações pessoais serão mais leves. Consequentemente, o stress será menor.

Não se compare aos outros

As pessoas acabam por se afastar do perfeccionista (Foto: Divulgação)

A pessoa perfeccionista no trabalho também costuma fazer comparações entre ela própria e alguém que ela julga ser perfeito. Seguindo essa ideia, tudo o que ela faz acaba por não satisfazê-la, já que nunca consegue realizar o que aquela outra pessoa é capaz de fazer. Evite comparações. Ninguém é tão perfeito quanto a imagem de perfeição que criamos, sobre um determinado indivíduo. Todos cometem erros e a melhor forma de lidar com eles é aceitá-los, quando não se pode mudá-los.

Com estas simples dicas, é possível ter uma boa relação de trabalho com as pessoas, além de tornar a vida um fardo muito menor. Caso o problema seja acentuado demais, então é preciso procurar por ajuda psicológica.

Veja mais dicas: Perfeccionismo: como controlar?

Saiba como controlar a ansiedade: Como controlar a ansiedade no trabalho

 

Top