Combater o calor na menopausa

A menopausa trata-se de um processo natural do corpo feminino, porém muito temido por elas devido aos sintomas. Ela é conhecida por apresentar muitos…

Por Editorial MDT em 14/03/2013

A menopausa trata-se de um processo natural do corpo feminino, porém muito temido por elas devido aos sintomas. Ela é conhecida por apresentar muitos efeitos na vida das mulheres. As ondas de calor, transpiração noturna, insônia, ansiedade, cansaço e redução da atenção são alguns dos problemas vividos pela mulher nessa fase. Saiba mais sobre o assunto e veja como combater o calor na menopausa.

O calor excessivo é muito comum na menopausa. (Foto: divulgação)

Enfrentando a menopausa

É na menopausa que a vida reprodutiva da mulher chega ao fim. Por volta dos 45 anos, os ovários começam a perder a capacidade de produzir hormônios femininos que regulam o ciclo menstrual. No primeiro tempo, ocorre diminuição da progesterona (hormônio da gravidez que regula a menstruação). Logo após, ocorre a redução de estrogênio (responsável pelas características sexuais femininas). Dessa forma, em torno dos 50 anos, finaliza-se a atividade dos ovários e o sangramento menstrual.

A chegada da menopausa provoca grande alteração hormonal que gera várias reações, que na maioria dos casos necessita de tratamento médico. Nesse período é preciso cuidar mais do corpo, da alimentação, do sono e ter uma boa qualidade de vida.

A alimentação ajuda no combate do calor da menopausa. (Foto: divulgação)

Veja também reposição hormonal na menopausa

Como combater o calor na menopausa

1. Para aliviar os incômodos gerados pela menopausa, o ideal é apostar no consumo de soja e seus derivados. Ela é rica em isoflavonas, que ajudam a substituir os hormônios que estão em falta por conta da menopausa;

2. Consumir alimentos diuréticos como alface, abacaxi e pepino também ajuda a reduzir os sintomas causados pela menopausa. Além de tomar muito líquido;

3. Durante as refeições evite os alimentos enlatados, pois são ricos em sódio, aumentando ainda mais os sintomas da menopausa. O consumo de álcool e cigarro também é essencial para esse período;

4. O ideal é fazer uma alimentação balanceada, rica em frutas, verduras e legumes, pois auxiliam na regulação térmica do nosso corpo;

5. Pratique exercícios físicos diariamente, pois ajudam a manter o organismo em equilíbrio. Uma caminhada durante o dia já ajuda e muito;

6. A reposição hormonal pode auxiliar no combate do calor na menopausa. Sendo assim é indispensável consultar o médico ginecologista para avaliar o caso e indicar a reposição de hormônios.

A prática de exercícios físicos ajuda a combater o calor da menopausa. (Foto: divulgação)

Veja também menopausa, alimentos favoráveis 

O calor excessivo é um sintoma clássico da menopausa e pode ser amenizado através de alguns cuidados simples com alimentação, prática de exercícios físicos e reposição hormonal. O que toda mulher precisa saber é que os sintomas fazem parte dessa condição e que o melhor é aprender a lidar com eles.

 

Top