Cirurgia para ficar mais alto: riscos e cuidados

Nem todas as pessoas estão satisfeitas com a própria altura e isso acaba motivando a procura por cirurgia para ficar mais alto. A técnica…

Nem todas as pessoas estão satisfeitas com a própria altura e isso acaba motivando a procura por cirurgia para ficar mais alto. A técnica é pouco conhecida no Brasil, mas já vem sendo alvo de polêmica em outros países.

A cirurgia para ficar mais alto está tendo muita procura. (Foto Ilustrativa)

A cirurgia para ficar mais alto está tendo muita procura. (Foto Ilustrativa)

Milhares de homens e mulheres estão insatisfeitos com a estatura. Eles buscam formas de ganhar alguns centímetros e ultrapassar 1,60, por isso acabam recorrendo os procedimentos cirúrgicos. Esse tipo de operação, inclusive, está fortalecendo muito o turismo de saúde pelo mundo afora.

Como funciona a cirurgia para ficar mais alto?

A cirurgia para ficar mais alto é cara, dolorosa e perigosa. Apesar de todos os riscos, muitas pessoas estão recorrendo a essa operação para ganhar de 10 a 15 centímetros a mais de altura.

O cirurgião parte os ossos das pernas para implantar uma extensão metálica e aumentar a altura. Depois de realizar essa modificação, o paciente precisa usar um aparelho para voltar a andar e retomar a sua vida normalmente. O procedimento é bem complexo e perigoso, por isso é considerado uma das cirurgias estéticas mais difíceis de todas.

A cirurgia de alongamento das pernas não é tão recente na área médica como muitas pessoas pensam. Ela costumava ser realizada em pessoas que possuem membros com comprimentos diferentes e também para corrigir o nanismo. Nos últimos tempos, o procedimento vem sendo procurado para fins estéticos.

Antes e depois da cirurgia para ficar alto. (Foto: Reprodução/Saúde Curiosa)

Antes e depois da cirurgia para ficar alto. (Foto: Reprodução/Saúde Curiosa)

Cirurgia para ficar mais alto na Índia

Muitas pessoas estão seguindo viagem para a Índia com o objetivo de fazer o alongamento ósseo mais barato. Por lá, já existem alguns médicos especialistas nesse tipo de cirurgia, como é o caso de Amar Sarin, que já realizou mais de 300 operações ao longo de 5 anos.

Leia Também:  Convenio Médico HBC Saúde

O interesse pela cirurgia que aumenta a altura está crescendo consideravelmente, prova disso é o fato de Amar Sarin receber cerca de 20 ligações por dia de pessoas interessadas no procedimento.

Relatos de pessoas que fizeram a cirurgia

Em 2012, um britânico gastou milhares de euros para conseguir crescer alguns centímetros. Chris Jonhson procurou pelo procedimento mesmo sem ser tão baixinho. Com 1,69 cm de altura, ele buscou um cirurgião especializado na técnica de alongamento de ossos e deixou o hospital com mais 6 centímetros.

Em 2015, uma mulher indiana de 1,37 cm procurou a cirurgia para aumentar a altura em oito centímetros. Ela ficou cerca de seis meses longe de casa, só para se preparar para o procedimento e realizar a operação. Ela recorreu à técnica porque o fato de ser baixinha era alvo de chacotas na sua cidade.

Riscos e cuidados cirurgia para ficar alto

A cirurgia pode ser muito perigosa. (Foto Ilustrativa)

A cirurgia pode ser muito perigosa. (Foto Ilustrativa)

Nem todos os especialistas concordam com a cirurgia para ficar mais alto, devido a uma série de riscos que o procedimento oferece. A Associação Ortopédica da Índia, por exemplo, não recomenda a técnica para fins estéticos. Quando realizada de forma inadequada, a operação pode deixar o paciente sem andar ou mesmo levar ao óbito. A dor também pode se estender durante meses.

Preço da cirurgia para ficar mais alto

O preço da cirurgia para ficar mais alto pode chegar a 120.000 dólares, dependendo da clínica.

Ao invés de colocar a sua vida em risco realizando o alongamento de ossos, você pode seguir algumas dicas de moda para alongar as pernas e praticar exercícios que melhoram a postura. Essas recomendações ajudam a aumentar alguns centímetros de forma natural.

Leia Também:  Como Manter a Saúde na Terceira Idade?

 

Top