Ansioso pela estreia, Rafael afirma que Santos não terá moleza contra o Kashiwa

A expectativa é grande entre torcedores e jogadores do Santos por conta da proximidade da estreia do clube no Mundial de Clubes da Fifa,…

Rafael foi um dos destaques da gloriosa campanha do Peixe na Libertadores. (Foto/Divulgação)

A expectativa é grande entre torcedores e jogadores do Santos por conta da proximidade da estreia do clube no Mundial de Clubes da Fifa, que acontece na próxima quarta-feira, às 8h30 (horário de Brasília), contra o Kashiwa Reysol, atual campeão japonês, que para chegar à semifinal eliminou o Monterrey, do México, nos pênaltis, no último domingo.

Depois de conhecer o adversário da semifinal, o goleiro santista Rafael fez uma análise sobre o rival de quarta-feira. “A bola parada do Kashiwa é muito boa, tanto com o Jorge Wagner quanto com o Leandro Domingues. Eles estão muito bem treinados pelo Nelsinho Batista, correm bastante e têm muita preparação física. Vai ser um jogo dificílimo para nós”, afirmou o arqueiro do Peixe.

Goleiro mais jovem a conquistar o título da Libertadores da América, Rafael afirmou em entrevista à Santos TV que a equipe não medirá esforços para chegar à decisão e conquistar o título. “Vamos fazer de tudo para nos classificar, vamos dar a vida para chegar à final do Mundial e para ser campeão independentemente do adversário”, contou Rafael.

Porém, o jovem goleiro sabe que será necessário ter cuidado na partida contra o Kashiwa. “A gente se preparou demais, todo munto está numa expectativa grande até pela dificuldadde que foi chegar até aqui. Estamos muito confiantes, querendo botar tudo em prática, mas temos que tomar cuidado, assim como o Barcelona também na outra semifinal. A gente quer jogar logo para acabar com isso”, revelou Rafael.

Top