Alimentos que Causam Refluxos em Crianças, Dicas, Cuidados

Muitas crianças atualmente sofrem com refluxo. Mas ainda sim, muitas mães ainda não têm conhecimento mais profundo sobre este assunto, sobre os alimentos que…

Muitas crianças atualmente sofrem com refluxo. Mas ainda sim, muitas mães ainda não têm conhecimento mais profundo sobre este assunto, sobre os alimentos que podem causar, e como cuidar. Assim vamos descrever mais detalhes sobre um assunto tão importante e que está tão presente entre as crianças.

O refluxo alimentar em crianças como é conhecido popularmente, tem como termo técnico refluxo gastroesofágico, acontece quando o conteúdo do estômago vaza para o esôfago durante ou depois de uma refeição. O esôfago é o tubo que liga a boca ao estômago. Um anel muscular na parte inferior do esôfago abre e fecha para deixar que alimentos entrem no estômago. O refluxo ocorre quando esse anel muscular abre, permitindo que o conteúdo do estômago e ácido volte pelo esôfago, normalmente começa na infância, porém apenas um pequeno número de bebês persiste tendo esse problema quando são crianças maiores, bem agora que já identificamos o que este refluxo, fica mais fácil entender sobre o assunto.

Quando o material do refluxo torna ligeiramente ao estômago ele não danifica o esôfago. Entretanto, em determinadas crianças, o conteúdo do estômago continua no esôfago e prejudica o seu revestimento. Em outras crianças, o conteúdo do estômago sobe até a boca e é engolido outra vez.

Quando o material do refluxo vai para parte posterior da boca ou entra nas vias aéreas, a criança pode ficar rouca, com voz áspera ou com tosse crônica, além desses sintomas, tem pneumonia recorrente, chiado ao respirar, dificuldade ou dor ao engolir, vômito, dor na garganta e perda de peso.

Alguns alimentos estão envolvidos neste tipo de problema, é interessante que o responsável pela criança perceba qual dos alimentos aumenta este refluxo. Então alguns alimentos devem ser evitados como frutas cítricas (laranja, limão…), refrigerantes, chocolate, açúcares concentrados (balas, doces etc.), iogurtes, chás, salgadinhos, produtos de tomate, café, frituras e comidas condimentadas. E uma dica importante é que a alimentação das crianças com refluxo deve ser fracionada (volumes pequenos e servidos várias vezes ao dia).
Vamos então tentar ajudar a estas mães que tem seus filhos com este

Leia Também:  Cuidados com a Obesidade - Doenças

problema listando algumas dicas de como combater o refluxo em crianças:
•    Troque sempre a fralda antes da mamada ou espere a digestão ser feita antes de fazê-lo. Passear, brincar ou agitar o bebe depois da refeição pode fazer com que o leite volte.
•    Estomago muito cheio é sinônimo de refluxo. O jeito é fracionando a dieta, ou seja, oferecer menos quantidade de leite ao bebe.
•    Na hora da mamada, coloque sempre o bebe na vertical. Assim, possibilita do alimento não voltar.
•    Experimente deixar o berço num ângulo de 30 °, com o bebe no lado esquerdo. Assim, forma-se uma barreira de ar que dificulta o refluxo. São medidas simples que garantem um bom sono para o bebê.
Então mamãe já sabe como melhorar o refluxo de seu filho, mas não se esqueça de procurar a ajuda médica.

Top