Alimentação para gestantes

A alimentação saudável é indispensável para o crescimento e desenvolvimento do bebê que está dentro da barriga da mãe.  Além disso, a alimentação é…

Por Editorial MDT em 17/09/2012

A alimentação saudável é indispensável para o crescimento e desenvolvimento do bebê que está dentro da barriga da mãe.  Além disso, a alimentação é essencial também para evitar que a mulher apresente problemas que coloquem em risco a sua saúde e a do bebê. Saiba mais sobre a importância da alimentação para gestantes.

A alimentação saudável é indispesável para a saúde da gestante e do bebê (Foto: divulgação).

Importância da alimentação para a gravidez

A mulher grávida deve ter uma responsabilidade maior quanto a sua alimentação, já que possui uma vida em desenvolvimento na sua barriga. A alimentação durante a gravidez influenciará na saúde do bebê ao longo da vida. Além disso, o risco para várias doenças inicia-se com o tipo de alimentação que o bebê recebe durante a gestação.

A nutrição balanceada logo nas primeiras semanas de gestação garante um desenvolvimento completo da placenta e do sistema circulatório, que são responsáveis pela oxigenação e alimentação do feto.

Logo no primeiro trimestre, ocorre à formação do sistema nervoso, por isso a ingestão de vitaminas é indispensável. Ingerir alimentos ricos em ácido fólico ajuda na prevenção de más-formações do tubo neural. Os alimentos ricos em ácidos graxos e ômega-3 atuam no desenvolvimento do cérebro e do sistema nervoso.

Os alimentos saudáveis ajudam também na saúde futura do bebê (Foto: divulgação).

Saiba mais sobre o assunto em cuidados com alimentação durante a gravidez 

Alimentos que a gestante deve consumir

1. Ferro: pode ser encontrados em carnes, fígados, ovos, feijões e verduras. A absorção de ferro pelo organismo aumenta quando consumido com alimentos ricos em vitamina C;

2. Ácido fólico: pode ser encontrado em vegetais verde escuro como espinafre, couve e brócolis. Os cereais e frutas cítricas também são ótimas fontes;

3. Vitamina C: encontrada nas frutas como kiwi, morango, laranja, melão, abacaxi e hortaliças (brócolis, pimentões, tomate, couve-flor);

4. B6: encontrada no milho, fígado, frango, peixe, leite e derivados;

5. Magnésio: encontrada nas nozes, cacau, soja, frutos do mar, feijões e ervilhas;

6. Cálcio: encontrados em leites e derivados, bebidas de soja, gema de ovo e cereais integrais;

7. Vitamina D: encontradas em leite enriquecido, ovos, fígado e manteiga. O banho de sol é indispensável para que essa vitamina seja absorvida e auxilie na fixação de cálcio nos ossos;

8. Carboidratos: fornecem energia para a gestante e também para o bebê. Os melhores são os integrais como arroz, pães, cereais e macarrão;

9. Proteínas: encontradas em carnes, leite, feijão e derivados. São responsáveis por construir, manter e renovar os tecidos da mamãe;

10. Lipídeos:as gorduras auxiliam na formação do sistema nervoso central do feto. Porém, devem ser consumidas com moderação e sob orientação nutricional.

O bebê necessita de nutrientes e vitaminas para seu crescimento e desenvolvimento (Foto: divulgação).

Veja também como manter o peso na gravidez 

A alimentação saudável é indispensável tanto para a saúde da gestante quanto para a saúde do bebê. É através dela que a gestante obtêm os nutrientes essenciais para o crescimento e desenvolvimento do bebê. O mais indicado é fazer um acompanhamento nutricional para que o profissional indique o consumo adequado.

Top