A.A, Alcoólicos Anônimos

“Não deixe que o Alcoolismo destrua sua vida” O único requisito para ser membro de A.A é o desejo de parar de beber. Na maioria dos casos de alcoolismo a pessoa que sofre com a doença não aceita o tratamento. Se você é um alcoólatra e quer parar de beber veja aqui como participar do A.A Alcoólicos Anônimos.

Procure uma unidade mais próxima do A.A para ser membro (Foto: Divulgação)

Como ser membro do A.A?

Para ser membro do A.A (Alcoólicos Anônimos) não precisa pagar taxas ou mensalidades, pois o grupo é autossuficiente, graças a suas próprias contribuições. O propósito primordial é o de se manter sóbrios e ajudar outros alcoólatras a alcançarem a sobriedade. As pessoas dependentes do álcool que se tratam no A.A participam de palestras, contam suas experiências para outras pessoas que também se encontram na mesma situação e querem largar o vício, a doença que é acometida pelo álcool.

Alcoolismo é uma doença (Foto: Divulgação)

Alcoolismo é uma doença

Embora ainda visto por muitos como um vício, o alcoolismo foi reconhecido como doença, progressiva e incurável, e leva seu portador fatalmente à loucura, ou morte prematura. Também fazendo com que a pessoa perca o domínio das suas atitudes.

Apesar da imensa gravidade da doença, pouco ou nada se sabe com certeza sobre suas causas. O alcoolismo atinge indistintamente homens e mulheres de qualquer idade e de todas as raças, ateus e religiosos, intelectuais e analfabetos, pobres e ricos. O alcoólatra pelo seu comportamento, causa desajustes, angústias, privações e sofrimento a todos aqueles que o cercam.

O álcool destrói famílias (Foto: Divulgação)

Alcoolismo pode ser tratado

Embora incurável e progressivo, o alcoolismo pode ser detido em sua marcha, e para isso é necessário que o alcoólatra se abstenha totalmente do álcool. Quando a doença se manifesta só resta detê-la, pois o portador, mesmo abstêmio durante anos, se tomar um único gole, tem grande chance de logo estar bebendo tanto ou mais que antes. Essa abstinência constante pode ser conseguida pela aceitação voluntária do programa de recuperação dos Alcoólicos Anônimos.

O alcoólatra deve ser tratado (Foto: Divulgação)

Alcoolismo destrói famílias

Quando existe um alcoólatra na família, ela é simplesmente destruída, pois o álcool promove a destruição, não somente da pessoa que está doente, mas de toda a família que vive a situação. Medo, apreensão, violência e desavença rodeiam as pessoas alcoólicas e levam a família junto para toda essa situação. Existem milhares de casos que as pessoas são abandonadas e caem nas ruas bebendo cada vez mais e manter-se no vício até a destruição total

Mas não é isso que as famílias querem, pelo contrário, elas desejam tratamento para essas pessoas doentes, para que elas possam voltar a serem felizes junto com a sua família. Se você está sofrendo com essa situação, ou tem algum membro da sua família que está doente por causa do álcool, entre em contato com o A.A pelo site e veja a localização da unidade mais próxima e peça apoio, com certeza sua vida e a da pessoa doente vai mudar completamente. Lembre-se que alcoolismo é uma doença, não tem cura, mas pode ser parada a qualquer momento, basta a pessoa querer se tratar.

 

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

2 Comments - Add Comment

Reply