10 dicas para o seu lado emocional não dar prejuízos na carreira

10 dicas para o seu lado emocional não dar prejuízos na carreira

Separar os problemas pessoais da vida profissional é essencial para manter a produtividade. Para ajudar nessa tarefa, preparamos 10 dicas para o seu lado emocional…

Por Andre em 10/08/2015

Separar os problemas pessoais da vida profissional é essencial para manter a produtividade. Para ajudar nessa tarefa, preparamos 10 dicas para o seu lado emocional não dar prejuízos na carreira, úteis para os mais variados tipos de profissionais.

10 dicas para o seu lado emocional não dar prejuízos na carreira (Foto Ilustrativa)

Um lado emocional abalado por problemas como doenças na família, raiva, depressão e ansiedade, entre outros, pode ter influência direta no rendimento profissional, fazendo com que o desempenho se reduza consideravelmente.

Dessa forma, é importantíssimo evitar que problemas emocionais atrapalhem o rendimento profissional. Mas como fazer isso? É o que vamos conferir nas dicas a seguir.

Erros que podem atrapalhar a sua carreira

10 dicas para o seu lado emocional não dar prejuízos na carreira

As emoções podem comprometer bastante a vida profissional, se não forem controladas (Foto Ilustrativa)

Algumas das principais dicas para evitar que as emoções atrapalhem a carreira são:

1- Aprenda a lidar melhor com seus sentimentos e emoções e a controlá-los.

2- Se você não está bem emocionalmente e tem algo importante para resolver no trabalho, é melhor deixar para quando se sentir melhor.

3- Pense bem antes de agir. As ações impulsivas podem ter sérias consequências na vida profissional.

4- Se está estressado e ansioso no trabalho, procure fazer algo para relaxar (ouvir uma música, caminhar, conversar com uma pessoa querida ou divertida).

5- Dependendo da situação, peça uma folga para resolver os problemas.

Pessoas estressadas costumam enfrentar dificuldades no ambiente corporativo (Foto Ilustrativa)

TPM x Trabalho: quando a TPM interfere na carreira

6- Se precisar, não tenha vergonha em pedir ajuda profissional. Você só tem a ganhar com isso.

7- Lembre-se de que o chefe e o terapeuta são pessoas diferentes. Evite desabafar com o superior, pois isso pode passar uma imagem de fragilidade e insegurança.

8- Desenvolva sua capacidade de autoconhecimento. Assim, fica mais fácil identificar e resolver problemas emocionais.

9- Para se sentir mais feliz, procure fazer o que você gosta. Se for o caso, é interessante mudar de emprego e/ou profissão.

10- Se passou dos limites, descontando os problemas no chefe ou colegas de trabalho, seja humilde e peça desculpa.

Cuidado com o mau humor

O mau humor é outro grande problema no ambiente de trabalho (Foto Ilustrativa)

Como conciliar a carreira com a vida pessoal

mau humor pode trazer vários problemas para o ambiente de trabalho. Quem tem essa característica pode afastar os colegas, ficar isolado, criar muitas inimizades e perder diversas oportunidades, entre outras coisas, criando um clima complicado no ambiente corporativo.

Leia mais sobre esse e outros assuntos navegando pelo Mundo das Tribos.

Top