Menu

Saúde

Atualizado em 4 de maio de 2011, às 16:02 por Redacao
Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar > Tratamentos para bico de papagaio

A osteofitose, mais conhecida como ‘bico de papagaio’ é um problema causado por uma formação óssea incomum, produzida nas articulações, para que o organismo consiga dar conta de excesso de peso ou má postura. Por causa desses fatores, a cartilagem (que serve como um tipo de amortecedor) entre uma articulação e outra – ou, no caso da coluna, uma vértebra e outra – vai sendo gasta e desaparece, tornando as articulações deformadas. Infelizmente, esse é um problema muito mais comum do que se imagina. É mais comum que o bico de papagaio aconteça na coluna, por causa de má postura, mas pode ocorrer em qualquer articulação! A osteofitose é um tipo de artrose, não tem ‘cura’ – a cartilagem perdida não vai voltar ao estado original – e precisa ser tratada para que o paciente consiga ter qualidade de vida.

OSTEOFITOS2 300x255 Tratamentos para bico de papagaio

Entre as possíveis causas do bico de papagaio podemos listar: má postura, tendência genética, sedentarismo, sobrepeso e falta de atenção com a postura, como com a posição de dormir ou de pegar pesos. O bico de papagaio é mais comum em pessoas com mais de 50 anos. Quando uma pessoa desenvolve esse problema, sente muita dor pois a aproximação das vértebras, que ocorre pela ausência da cartilagem, acaba comprimindo a raiz nervosa. Alguns sintomas podem aparecer, como uma redução no movimento da articulação afetada, tendões e ligamentos próximos a essa articulação comprometidos, aguentando tensão excessiva por causa de um desequilíbrio na distribuição de peso e de sobrecarga, sensação de queimação nas costas.

coluna 3d dor coluna 225x300 Tratamentos para bico de papagaio

O melhor tratamento, claro, é a prevenção. Exercícios físicos e postura correta ajudam a evitar que esse problema apareça como se fosse consequência natural da idade. Mas uma vez que o problema já existe é possível fazer algumas coisas para aliviar os sintomas e diminuir a dor, permitindo que a pessoa com bico de papagaio possa ter uma vida normal e possa continuar realizando todas as suas atividades. Um dos tratamentos alternativos é a prática de Pilates, com exercícios específicos e direcionados para quem apresenta esse problema, auxiliando no fortalecimento e no alongamentos dos músculos, principalmente da área afetada, e reequilibrando os grupos musculares, para que não haja sobrecarga.

Pilates1 gettyimages 211x300 Tratamentos para bico de papagaio

Já um tratamento mais conservador tem por objetivo o fortalecimento da coluna, com a intenção de evitar o tratamento cirúrgico, o que infelizmente nem sempre é possível. Nesse modo de tratamento o paciente deve ficar de repouso, usar anti-inflamatórios prescritos pelo médico, para atender as suas particularidades, depois seguirá para a fisioterapia – exercícios físicos também serão recomendados. Ainda é possível contar, em casos mais crônicos, com uma injeção para aliviar dores locais ou irradiadas, mas nem sempre isso é recomendado. Ainda assim, não existe um tratamento definitivo, que vá curar e reestabelecer a cartilagem: o que existe é um controle e uma estabilização do avanço da doença e um alívio das dores provocadas por ela. É normal, com a idade, o surgimento de dores nas costas e nas articulações justamente porque a cartilagem vai se desgastando, mas se você tomar os cuidados necessários esse momento será muito adiado e será muito mais fácil aliviar as dores.

 

A categoria Saúde do portal Mundodastribos.com é um espaço informativo de divulgação e educação sobre os temas relacionados à saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento, sem antes consultar um profissional de saúde.