UFC São Paulo 2012 será no Pacaembu UFC São Paulo 2012 será no Pacaembu

UFC São Paulo 2012 será no Pacaembu

Para os fãs da UFC que moram em São Paulo ou que estavam planejando ir para a cidade paulista assistir as lutas programadas para…

Por Élida Santos em 03/02/2012

UFC: O evento corre o risco de não ser em São Paulo (Foto: Divulgação)

Para os fãs da UFC que moram em São Paulo ou que estavam planejando ir para a cidade paulista assistir as lutas programadas para acontecer no Pacaembu, a notícia não é das melhores, uma vez que, problemas com às leis de silêncio da terra da garoa estão dificultando a negociação com a organização do torneio. Segundo Bebetto Haddad, secretário municipal de Esportes, uma segunda alternativa já está sendo pensada pela coordenação das lutas, o que pode deixar o município de fora.

Haddad declarou que a prefeitura trabalha para resolver o impasse para trazer a UFC para a cidade. No evento, devem estar presentes estrelas do esporte, como por exemplo, Wanderlei Silva, Anderson Silva e Vitor Belfort. O Governo Municipal anunciou que a decisão sobre o entrave deve sair em breve, na próxima semana.

Anderson Silva será uma das atrações do UFC Brasil (Foto: Divulgação)

O impasse está ocorrendo por conta do Programa de Silêncio Urbano (Psiu), que determina o barulho permitido para cada região paulista. No caso dos arredores do Pacaembu, após as 19h o máximo de barulho permitido é de 45 decibéis, para eventos que devem terminar até a 1h da madrugada. O estádio ainda opera sobre uma liminar mais restrita, que determina a proibição de acontecimentos musicais depois das 22h.  Partidas de futebol não estão inclusas nessa regra.

Vitor Belfort também estará no evento no Brasil (Foto: Divulgação)

Para completar a situação, a Organização Não Governamental (ONG) Viva Pacaembu exige que a lei do Psiu seja rigorosamente respeitada, sem exceção para nenhum tipo de evento. Os integrantes da instituição já disseram que se as normas forem infligidas a Justiça será acionada para embargar o acontecimento. Antes que as lutas efetivamente ocorram a ONG não pode fazer nada, porém, durante e após, muitos problemas podem ser originados pela Viva Pacaembu.

O UFC  de São Paulo está programado para acontecer no dia 16 de junho. A expectativa é grande, já que o evento esportivo deverá ser um dos recordistas de público. No caso do Pacaembu, estima-se que cerca de 40 mil pessoas assistiriam as lutas, registrando um público menor somente que o maior número da história do esporte, as 55 mil pessoas do UFC 129, no Canadá. Caso os combates ocorram no Morumbi, novas marcas serão determinadas.

Top