‘Se puder…dirija’: primeiro filme brasileiro em 3D

“Se puder… Dirija!” é o novo filme nacional, mas que tem uma novidade ainda mais interessante que os demais lançados por esses dias: ele…

“Se puder… Dirija!” é o novo filme nacional, mas que tem uma novidade ainda mais interessante que os demais lançados por esses dias: ele é o primeiro longa-metragem em 3D feito no Brasil. Já foram feitas animações nacionais em 3D, mas agora a obra conta com atores de carne e osso.

Se puder dirija é um filme nacional (Foto: Divulgação)

“O que fico feliz é que a gente não fica a dever pra ninguém. Espero que a gente abra portas”, avalia o diretor e roteirista do filme, Paulo Fontenelle, em entrevista coletiva da última segunda-feira (19 de agosto), em São Paulo, logo depois da exibição do filme, que estreia em cinemas de todo o Brasil no dia 30 de agosto.

“O João me parece um cara bom, e eu nunca tinha feito um cara bom, sempre fazia cara ácidos, sacanas”, observou o ator Luiz Fernando Guimarães.  “Se eu fosse o público, diria: ‘Nossa, o Luiz Fernando está diferente!’.”, declarou com muito humor.

“Se puder… Dirija!” trata de uma história de uma família tentando se entender

Luiz Fernando Guimarães é o protagonista da trama, dando vida a um manobrista negligente com o filho, Quinho (Gabriel Palhares), e visto como irresponsável pela ex-mulher, Ana (Lavínia Vlasak). Esse pai tenta o tempo todo se reaproximar do garoto, e as situações inusitadas é o que move a história.

O nome do filme, “Se puder… Dirija!”, tem relação com a profissão de João. Boa parte da ação se passar dentro (ou ao redor) de um veículo, por isso é bem interessante a ligação do nome do filme com os personagens principais. No elenco, estão nomes consagrados como Reynaldo Gianecchini, Leandro Hassum, Barbara Paz, Antonio Pedro e Eri Johnson.

Esse é o primeiro filme 3D brasileiro (Foto: Divulgação)

Reinaldo Gianecchini aceitou o trabalho sem conhecer o roteiro

Gianecchini falou na coletiva de imprensa que aceitou o trabalho antes mesmo de ler o roteiro. “Aceitei sem saber. Primeiro, porque a Val [Valkiria Barbosa, produtora] é muito minha amiga, era um filme em 3D, da Disney… Falei: ‘Tô dentro!’”, disse. “O roteiro é tão legal, me deixou emocionado. A comédia te permite isso, falar de coisas sérias com riso.”, finalizou o galã.

Leia Também:  Atividade Paranormal 5: Dimensão Fantasma tem primeiro teaser

Top