Saiba como funcionam as plásticas faciais

O rosto é considerado o principal cartão de visita de um ser humano. Sendo assim, alguns se incomodam com imperfeições faciais, como tamanho do…

O rosto é considerado o principal cartão de visita de um ser humano. Sendo assim, alguns se incomodam com imperfeições faciais, como tamanho do nariz ou da boca, formato das bochechas ou do queixo e assim por diante. Graças aos avanços da medicina estética, esses detalhes podem ser modificados e aperfeiçoados. A plástica facial é um dos procedimentos estéticos mais procurados no mundo, principalmente entre as celebridades. O nariz é o foco, sendo a parte mais modificada.

As plásticas faciais são cirurgias extremamente delicadas. Tudo deve ser feito minuciosamente, com extrema cautela. Qualquer erro pode deixar consequências terríveis, como a deformação daquela parte em questão. É preciso escolher um médico experiente e de qualidade, havendo assim menor probabilidade de acontecer qualquer fato negativo.  Você pode mexer em toda a estrutura facial, como boca, olhos, queijo, nariz, papada, testa, orelha e assim por diante. Todos esses itens se encaixam em cirurgia facial.

Muitos que se interessam pelo assunto pesquisam sobre como funciona a plástica facial. Como já foi mencionado, é um procedimento bem delicado. A anestesia pode ser local com sedação, onde o paciente fica adormecido e não sente o que está acontecendo. Ele pode até ficar acordado, mas muitas vezes inconsciente ou sem dor alguma. Em alguns casos, o médico prefere a anestesia local, pois o paciente fica totalmente apagado, sem dor alguma e sem qualquer tipo de movimento.

A plástica facial normalmente é realizada para esconder os sinais do envelhecimento. O pescoço é uma das partes principais desse tipo de cirurgia. Com o passar do tempo, a pele do pescoço vai ficando flácida. O mesmo acontece com a testa. Em relação ao envelhecimento, a cirurgia facial acomete todo o rosto. A incisão normalmente começa ao redor da linha do cabelo, partindo da têmpora e faz uma curva ao redor do lóbulo da orelha, terminando debaixo da linha do cabelo.

O Brasil é o segundo país com maior número de cirurgias plásticas, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. São milhares de cirurgias todos os anos e uma grande parcela é destinada a plástica facial.

O procedimento de plástica facial pode ser realizado tanto em um consultório quanto no hospital. Em ambos os casos há a anestesia e todo um cuidado com o paciente. Quando a cirurgia é mais séria e ampla, tudo deve ser feito no hospital, pois qualquer complicação pode ser revertida.






Top