Regras do parcelamento do Simples Nacional

Após algumas atitudes e investimentos do Governo Federal, muitos brasileiros conseguiram, finalmente, investir em seus próprios negócios. Milhares de pessoas enxergaram no próprio negócio…

Após algumas atitudes e investimentos do Governo Federal, muitos brasileiros conseguiram, finalmente, investir em seus próprios negócios. Milhares de pessoas enxergaram no próprio negócio a oportunidade para mudar de vida e até mesmo ter mais lucros, do que as pessoas que se encontram trabalhando no mercado formal. Contudo, este crescimento do micro e pequeno empreendedor só foi possível devido a elaboração do plano Simples Nacional. Ele facilitou a regulamentação do serviço informal e ainda proporcionou diversas vantagens ao trabalhador informal.

Milhares de pessoas enxergaram no próprio negócio a oportunidade para mudar de vida e até mesmo ter mais lucros (Foto: Divulgação)

Entre alguns benefícios que o trabalhador informal passa a ter com o plano Super Simples Nacional destacam-se a possibilidade de fazer empréstimos, ter direito a aposentadoria, bem como outros benefícios como o benefício por invalidez, caso ocorra algum tipo de acidente. No entanto, neste final de ano, o Governo divulgou as novas regras que devem regulamentar o plano. Algumas delas já eram aguardadas não só por pequenos empreendedores, mas pelas empresas que aderiram a este tipo de plano.

O Novo Simples Nacional se destaca com um aumento de 50% do teto de faturamento para as micro e pequenas empresas (Foto: Divulgação)

Atenção: As novas mudanças anunciadas, só aumentam a capacidade de crescimento de empreendedores, pois o Governo passa a mostrar ainda mais que é parceiro de quem tem foco para movimentar seus negócios e, consequentemente, a economia do país.

Entre as principais mudanças do Novo Simples Nacional se destaca o aumento de 50% do teto de faturamento para as micro e pequenas empresas, que se enquadrarem no Super Simples. Esta modificação é bastante benéfica para muitas empresas que, anteriormente, não poderiam aderir ao regime por conta do faturamento acima do limite. Agora, elas têm a oportunidade de participar do programa e usufruir destes benefícios.

O Novo Simples Nacional certamente é uma boa notícia para quem deseja abrir o seu próprio negócio ou quem sabe expandir os já existentes (Foto: Divulgação)

A estimativa do Governo e de especialistas em economia é que o faturamento anual das pequenas empresas seja elevado de R$ 2,4 milhões para R$ 3,6 milhões. Já para as microempresas, a receita bruta deverá passar de R$ 240 milhões para R$ 360 milhões. De fato, estas alterações terão um impacto bastante positivo na economia do país, pois além de proporcionar uma maior renda ao brasileiro, poderá também gerar inúmeras oportunidades de trabalho nos mais diversificados setores do mercado de trabalho. Portanto, esta é uma boa notícia para quem deseja abrir o seu próprio negócio ou quem sabe expandir os já existentes!

Continuar Lendo  Crédito Pessoal Todo seu BB

 

Top