quinta-feira, 8 de dezembro de 2022 - 08/12/2022 23:30:51
MundodasTribos

Se existe algo que mais entristece o brasileiro é quando ele é demitido do emprego ou é obrigado a pedir demissão por conta de algum tipo de problema. Isso significa que é preciso rever ideias, planejamentos e tudo o que envolva o orçamento financeiro. Tudo deve ser repensado.

O período de saída de um emprego faz com que muitos passem a pensar melhor ou até se preocupar sobre o que fazer para manter o orçamento familiar ou pessoal em dia visto que a maioria das pessoas possui compromissos com lojas, cartões de crédito e muitas outras despesas.

A demissão de um emprego significa que pelo menos, por alguns meses, você receberá um benefício para pôr suas contas em dia. Isto é possível através do recebimento do Seguro Desemprego (Foto: Divulgação)

Mas, a demissão de um emprego pelo menos, por alguns meses, garante que as contas estarão em dia. Isso é possível através do recebimento do Seguro Desemprego, benefício concedido pelo Ministério do Trabalho aos trabalhadores que perdem o emprego.

O Seguro Desemprego é um tipo de assistência criada para àqueles que saem do emprego e ficam desempregados. (Foto: Divulgação)

O Seguro Desemprego é um tipo de assistência criada já, há muitos anos, para àqueles que saem do emprego e ficam desempregados. O objetivo é que, com o benefício, eles possam ter uma renda para manter a família e suas necessidades durante o período máximo de cinco meses.

O benefício é concedido em parcelas. O valor é liberado de acordo com o salário recebido no último emprego. Para exemplificar, podemos citar o exemplo de trabalhadores que recebem um salário mínimo. Neste caso, o benefício é de exatamente um salário. Mas, para salários acima do mínimo, é estabelecida uma faixa de valores.

O pagamento do benefício deve ser retirado nas Agências da Caixa Econômica Federal. Caso você tenha uma conta no próprio banco, a parcela é depositada, automaticamente, em sua conta.

O pagamento do benefício Seguro Desemprego é retirado nas Agências da Caixa Econômica Federal. (Foto: Divulgação)

Quem tem direito a receber o benefício deve preencher alguns requisitos estabelecidos pelo Ministério do Trabalho. Vamos conhecê-los?

– Trabalhadores registrados e que receberam salários nos últimos seis meses;

– Trabalhadores que foram demitidos sem justa causa;

– Que não possuam renda extra para o sustento próprio, bem como da família;

– Que não recebam nenhum tipo de benefício da Previdência Social com exceções de auxílio-acidente, pensão por morte e abono de permanência em serviço;

– Trabalhadores domésticos desempregados e que exerceram, exclusivamente, trabalhos domésticos por pelo menos 15 meses;

Para dar entrada no seguro desemprego e solicitá-lo, você deve ir até uma agência da própria Caixa Econômica com sua documentação e, inclusive, com a rescisão de contrato para que possa ter direito a receber o benefício. Aproveite e dê entrada hoje mesmo no seu Seguro Desemprego!

Este artigo foi útil?

Agradeçemos o seu feedback.

Redacao

Redação Mundo das Tribos.

1

Pode ser do seu interesse

Seguro Desemprego – Valor, Consulta de Parcelas do Seguro Desemprego

Seguro Desemprego – Valor, Consulta de Parcelas do Seguro Desemprego

Consulta Seguro Desemprego

Consulta Seguro Desemprego

Seguro Desemprego 2011 – Tabela, Cálculo, Valor, Consulta

Seguro Desemprego 2011 – Tabela, Cálculo, Valor, Consulta

Como entrar com recurso no seguro desemprego

Como entrar com recurso no seguro desemprego

Formulário Seguro Desemprego Grátis

Formulário Seguro Desemprego Grátis

Quem Tem Direito ao Seguro Desemprego 2016

Quem Tem Direito ao Seguro Desemprego 2016